Resenha #393 - A Ordem - Nohane Carvalho


Título: A Ordem (Livro 1)
Autor(a): Nohane Carvalho
Editora: Independente
Páginas: 152
Nota Diana: 5/5
Nota Verônica: 5/5 - Favorito
Não era esse o princípio da nova Ordem Mundial? Dar ao mundo um recomeço onde cada pessoa pudesse viver bem, com dignidade e ajudar a todos? Não foi por isso que milhões de pessoas morreram séculos atrás?
Eram muitas as perguntas em minha mente.
Oi pessoas, tudo bem?

Eu e a Verônica amamos fazer resenhas em dupla. E com este livro não será diferente. Então já sabem todo o processo certo? Eu estarei da cor lilás e a Verônica na cor vermelha.

Desde que eu conheci a Nohane pessoalmente, eu fiquei completamente apaixonada pela força e atitude dela. Ela é uma menina mulher de talento incrível e de uma personalidade cativante. Quando eu soube deste livro e ainda mais que seria uma distopia, não pensei duas vezes em querer começar a conhecer sua escrita por este ele. Quis ir no lançamento e tudo.  

Eu conheci a Nohane no mesmo dia que a Di, e ela conseguiu captar bem a mesma impressão que eu tive da autora. Nós na verdade fomos no primeiro evento dela como autora, e era tangível o nervosismo dela no começo, mas depois ela brilhou no evento e acabou chamando a nossa atenção, tanto que no mesmo dia eu baixei o Devaneios de uma Famosa em Apuros, ainda não o li porque estava sem Kindle e o aplicativo estava devorando minha bateria, fora que não consigo me concentrar
muito bem pelo celular, mas com certeza ele será uma das minhas próximas leituras.

Nohane tem livros publicados pela Amazon e contos também. Ela é dotada de um mente que fervilha e está em constante movimento. Devaneios de uma Famosa em Apuros é um de seus livros lançados na plataforma, tem a opção de comprar em físico também. Nohane disse no evento de lançamento de A Ordem, que gosta de se desafiar e escrever o que tem vontade, o que a sua mente lhe trouxer. Prova disso, foi que eu amei este livro e enquanto não terminei, não consegui parar. Primeiro livro com poucas páginas, que me preencheu e não me fez ficar com aquela frustração de que faltava algo, ainda que ele seja uma duologia.

A Ordem foi criada após a 4ª Guerra Mundial, onde a ONU teve que intervir, criando este novo sistema político. Com isso eles fizeram com que as cicatrizes do passado fossem apagadas e um novo futuro fosse construído para a melhor sobrevivência dos seres humanos. Foram formados 35 reinos e Arissa é a princesa de Terycen, o maior de todos os reinos. 

Desde pequena, Arissa aprendeu os costumes de seu reino, e como futura rainha, ela aprendeu a se defender, a se comportar e todas as coisas essenciais de como ser uma rainha, mas o maior que tudo, foi o exemplo que teve de seus pais. Que eram considerados os melhores de todos os reinos. Eles se preocupavam realmente com seu povo e faziam de tudo para que todos pudessem viver bem. Até os que tinham menores recursos. 
...tenho um compromisso com meu reino. Toda a minha vida foi planejada para que eu estivesse preparada para assumir o trono e me tornar rainha.
Arissa, nunca foi uma filha rebelde, pois tinha seus pais como seus melhores amigos. Mas como toda menina de sua idade, ela tem suas curiosidades e nisto, Arissa vai as escondidas, com sua melhor amiga em um bar clandestino Delirium. Lá você poderia ser quem quisesse, desde que usasse uma máscara, o que era conveniente para a futura rainha de Terycen.

Neste bar, Arissa, sentiu que estava sendo observada. E realmente estava. ficou indignada com um rapaz que estava falando mal do governo de seu pai. E aquilo a deixou enfurecida. Ela nunca tinha falado quando estava naquele bar, para que ninguém pudesse reconhecê-la, mas a vontade de defender o reinado de seu pai, foi mais forte que ela. E isso despertou a curiosidade do rapaz, que tinha um olhar intenso e ainda assim, mesmo sabendo de que ela ficou com raiva, ele foi atrás, se sentiu encantado e queria saber quem era aquela que defendia tão sabiamente o reinado de Terycen. 
Quando me virei para ir embora com Triene – que estava visivelmente nervosa – senti dedos se enrolarem em meu pulso. Automaticamente empurrei seu dono até a coluna mais próxima, e coloquei a faca que carregava em minha coxa sobre sua garganta.
Mas Arissa, o deixou falando sozinho, mesmo descobrindo o seu nome e vendo o rosto daquele que chamou a sua atenção. Os olhos esverdeados e  o sorriso encantador, nem parecia o idiota que proferiu aquelas palavras ridículas anteriormente.
Revirei os olhos por que, honestamente, aquilo era patético.
-Você é louco senhor.
Continuei caminhando e ouvi ele dizer atrás de mim.
-Adrian
Aquilo irrompeu meu passos.
-O quê?
Ele se aproximou beijando minha mão e disse:
-Meu nome é Adrian.
Só que a chegada de um homem no palácio, vai causar uma reviravolta na vida de Arissa e de sua família e ela estará com a cruz e a espada. Ela começa a perceber, que tudo aquilo em que ela acreditou, era mentira e que estava no meio de uma guerra e nesta guerra, ela teria que fazer uma escolha crucial. De que lado escolheria lutar? Contra ou favor de quem ama?

Eu amei a escrita de Nohane. Essa mulher sabe exatamente o que escreve. Ela foi crucial  na escrita de uma forma que me senti presa e não queria sair para nada. Acho que se não fosse os intervalos por conta do trabalho, teria lido em algumas horas.

Porque a história é viciante e te faz sentir na pele os acontecimentos. A Ordem é um livro que te instiga do começo ao fim, os capítulos foram muito bem encerrados fazendo a gente sentir gana em virar as páginas para saber o que iria acontecer. As revelações são contadas na medida certa, você não cria teorias sobre o que vai acontecer, você descobre tudo juntamente com a Arissa, então é impossível não sentir empatia por um personagem que vê seu mundo ruir, enquanto tenta recolher os cacos que perfuram as suas mãos. Como eu falei para a autora, essa leitura foi eita atrás de eita, e se você gosta de distopia aqui está uma grande indicação.
Adrian sorriu como se achasse minha acidez algo cômico. Tenho certeza que ele não acharia nada cômico se soubesse que estava imaginando como arrancar sua cabeça com a minha faca.
Confesso que fiquei um pouco perturbada com Arissa no início da história. Ela parecia uma menina de 17 anos e não de 20 pelas atitudes que tomava. Mas depois levei em consideração a sua criação e por ser filha única. Ela me pareceu mimada, mas depois as suas escolhas me envolveram e me deixaram extasiada com seu poder feminino e por não se deixar abater pelas descobertas. Ela ficou furiosa, magoada, mas não deixou de agir. Não ficou parada se lamentando, ela foi lá e mostrou que poderia ser quem esperavam que ela fosse. Ela seria a esperança e ela não perdeu tempo de mostrar a sua força. Está ai mais um mocinha que me envolveu e conseguiu me conquistar.

Eu gostei da Arissa desde a primeira página rs, ela é destemida, brava e não depende de nenhum outro personagem para brilhar. Eu torci por ela, sofri com ela e estou super ansiosa pela continuação. Confesso que na metade do livro eu fui ficando brava porque ele estava muito bom, mas ele é fino, então como a escrita da autora está bem fluida eu simplesmente o devorei – sim eu fiquei brava porque o livro tem poucas páginas hahahahaha, mas em compensação a autora não enrola com diálogos desnecessários e isso é muito bom. E por via das dúvidas já dei aquela ameaçada “leitora compulsiva psicopata” na autora para lançar a continuação desta duologia o quanto antes titulado de O Caos.
Agora eu era um fantasma da mulher que já fui. Assombrada pelas vidas que não salvei, pelas mentiras em que acreditei, pela dor que infligiram a mim sem se importar se eu sobreviveria a ela. Sentia que era movida pelo desejo de vingança que tomou conta do lugar onde vivia a minha fé.


Em relação à diagramação, o livro foi lançado de forma independente, mas é possível tanto comprar a versão física como a digital no site da Amazon. Em relação à capa, foi feita pela Nohane, eu sinceramente a acho linda e muito condizente com a estória, as páginas são amareladas, as letras são grandes e confortáveis para a leitura, há alguns errinhos de revisão, mas eles não atrapalham.

Em 29 de dezembro desde ano a autora irá lançar um novo conto na Amazon, chamado Contagem Regressiva e ele ficará gratuito na Amazon por cinco dias. Assim que soubermos os dias exatos, iremos compartilhar nas redes sociais para vocês.

Espero que gostem e até a próxima resenha.
Um xero!!!

7 comentários

  1. Oi meninas!
    Ainda não conhecia o livro, mas gostei da resenha em conjunto. Parece que foi uma leitura muito boa!

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  2. Oi meninas, livro bom a gente quer ler mais e mais né? hehehehe não conheço a autora, mas o universo criado parece fantástico! E adorei a resenha em dupla!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Confesso que o enredo da história não chamou muito minha atenção, mas pelo elogio de você ao livro fiquei interessada em ler, a capa eu achei linda!

    www.estante450.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oie
    Gostei do enredo e curti que o livro é curto, fiquei interessada. Gostei da resenha em conjunto, legal ver a opinião das duas.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Diana, tudo bem?
    Ótima dica, fiquei bem curioso e já quero ler!

    ResponderExcluir
  6. Muito obrigada, meninas! Fiquei muito feliz que vocês gostaram. De verdade. <3
    Adorei a resenha.
    E pode deixar que vou fazer uma nova revisão para a próxima edição.

    Muito obrigada. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownnn sua linda, a verdade é que o livro foi maravilhoso e amei cada pontinho que eu li... Você escreve bem e sabe colocar bem todas as palavras. Xero!

      Excluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!