Resenha #361 - O Canto Mais Escuro da Floresta - Holly Black


Título:  O canto mais escuro da floresta
Autor(a): Holly Black
Editora: Galera
Páginas: 294
Nota: 4/5 


Ao fim de um caminho na floresta, depois de um riacho e de um tronco oco cheio de tatuzinhos-de-jardim e cupins, havia um caixão de vidro. Deitava-se sobre o chão e dentro dele dormia um menino que tinha chifres na cabeça e orelhas pontiagudas como facas.
Oie gente, como vocês estão?

Vou falar hoje sobre esse livro lindíssimo que é um dos novos lançamento da Editora Galera.
O canto mais escuro da floresta é um conto de fadas, narrado no mundo moderno, na cidade de Fairfold. Esta cidade guarda grandes mistérios e a população humana da cidade sabe desde sempre que dividem o espaço com seres mágicos, chamados de o Povo.

A cidade é um grande ponto turístico - sejam curiosos, aventureiros ou caçadores de tesouros que são atraídos pelas histórias e principalmente pelo Menino de Chifres, que está adormecido em seu caixão, há anos e anos. Nunca ninguém conseguiu sequer fazer as pálpebras do garoto tremer e quem ousou tentar quebrar o vidro, acabou sofrendo acidentes terríveis depois.

E digamos que é comum a cada temporada, um turista ou outro ser encontrado morto de uma maneira suspeita.

Hazel e Ben, são irmãos e desde pequenos fantasiam em suas brincadeiras serem os salvadores do menino adormecido que eles consideram seu príncipe, Ben é um garoto com um dom especial que foi dado por uma fada, ainda bebê e tem o poder da música dentro dele.

Um certo dia, Hazel corre o risco de vida dentro da floresta ao encontrar uma bruxa nada amistosa e com seu poder, Ben toca uma flauta e a bruxa fica paralisada. Hazel encontra na lama uma espada e mata a bruxa, e daí em diante os irmãos resolvem se tornar caçadores.
A mente de Hazel estava a mil, mais ela seguiu em frente, concentrando-se em repetir sem parar: eu sou um cavaleiro, eu sou um cavaleiro, eu sou um cavaleiro.
Hazel é humana, vive a vida intensamente, vai a festas, beija quantos garotos pode, enche a cara e está pouco se lixando para que os outros pensam. Porém esse desejo frenético de aproveitar tudo o quanto pode vem de segredos que ela guarda no fundo da alma. 
... Hazel pensou mais de uma vez na noz com a mensagem dentro: Sete anos para pagar o que está a dever. Tarde demais para se arrepender.
Ela também guarda uma paixonite secreta pelo Jack - melhor amigo do Ben, um garoto extremamente fofo, gentil e nada humano. A história do Jack, é narrada de forma secundária no livro, e por motivos que vocês terão que ler para entender, ele foi criado por uma família humana. Porém seu instinto sobrenatural é muito forte e ele acaba tendo uma vida dupla, devido a dificuldade de adaptação a vida humana.
Jack estava sempre com fome (...) ás vezes quando um dos seus pais o levava à mercearia, ele engoliu uma dúzia de ovos às escondidas (...) ele colhia maças azedas das árvores no verão e engolia bolas de algodão embebidas em água quando ficava envergonhado demais para pedir o quinto prato no jantar.
A situação já estava bem complicada para Hazel, e fica pior quando a cidade entra em alvoroço, pois o Menino de Chifres desapareceu no caixão, de uma forma misteriosa e sem deixar vestígios. Hazel e Ben como sempre sentiram um forte conexão com o garoto resolvem procurá-lo, mais não obtém sucesso, até que Hazel em momento sozinha, o encontra de uma forma que definitivamente ela jamais sonhou.
Os lábios estavam ligeiramente abertos e a boca estava cheia de terra, alguns gravetos saiam pelos cantos (...)
- Eu conheço você. Eu conheço sua voz - disse ele com a voz rouca, como se viesse gritando há uma semana. Ele puxou o braço de Hazel e, quando ela se virou, estava olhando para ela com os olhos brilhantes e famintos. - Você é exatamente a garota que eu procurava. 

#MedoDesseMeninoNessaHoraGente hahahahaha

Este menino que mais para frente, se revela como Severin, é extremamente esperto e safado, eu digo isso porque ele por muitas vezes fez jogo duplo com a Hazel e com o Ben, se aproveitando da desculpa que ouvia todas as histórias, desabafos e confissões que os irmãos faziam a ele em seu leito - inclusive a revelação dos sentimentos que Ben tem por ele, mais Severin por mais estranho que seja não é o grande o vilão desta história, há outro ser que ressurgiu para caçá-lo e para isso começa a fazer ataques em massa nas pessoas inocentes.
- Eu o amava, e ele está morto e enterrado, puro osso. Eu o amava e o tiraram de mim. Onde ele está? Morto e enterrado, puro osso. Morto e enterrado, puro osso. Onde ele está?
Eu gostei muito do mistério da história, ela foi bem escrita e bem desenvolvida. Confesso que eu esperava mais do Severin, mas em contrapartida eu gostei muito do Jack, que acabou ganhando muita força na história. Esse livro narra uma história que consegue ter momentos leves e um pouco mais cruéis ao mesmo tempo, e mostra que no mundo das fadas nem tudo são flores e borboletas.

Em relação a diagramação, a capa é a coisa mais linda desse mundo, e aliás ela foi uma das minhas escolhidas do Top 5 das capas mais bonitas da minha estante, caso não tenham conferido esta postagem você podem clicar AQUI e conferir, ficou super bacana !! As páginas são amareladas, as letras são grandes, e encontrei alguns errinhos de revisão.


Certas torturas são tão terríveis que mudam uma pessoa para sempre.

Espero que gostem e até a próxima resenha!

21 comentários

  1. Oi, Verônica!
    Nossa, eu não sabia desse detalhe na contracapa... lindo demais!
    Eu quero ler esse livro porque ele me lembra muito um conto da Holly Black que li uma vez.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Três Anos do blog A Colecionadora de Histórias

    ResponderExcluir
  2. Oi tudo bom?
    Já tinha ouvido falar nesse livro mas nunca tinha lido uma resenha sobre ele, não sei se leria por ser uma fantasia no qual não é meu gênero favorito mas por ser no mundo moderno talvez eu de uma chance, fora que essa edição está maravilhosa.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee Tudo bem?

      Caso resolva dar uma chance a ele, espero que goste da leitura

      Bjoss

      Excluir
  3. Oii!!!
    Estou com esse livro na minha fila de leitura, mas ainda não consegui ler. Eu também achei a capa desse livro linda e bem atraente. Como eu recebi esse livro em uma das caixas do Turista Literário, confesso que eu não tinha lido a sinopse ainda e sua ressenha foi o meu primeiro contato com o enredo. Espero conseguir ler ainda esse ano, o livro parece ser bem intrigante e divertido também.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá tudo bem?

      A história é realmente bem legal, espero que vc ainda consiga ler este ano!!

      Bjoss

      Excluir
  4. Oi, Verônica. Ainda não li o livro mas o enredo é bem fantasioso, talvez chame minha atenção algum dia. É engraçado quando tem personagens que fazem jogo duplo, acho isso maravilhoso no contexto da história e adoraria conhecer Severin melhor.
    Vou anotar a dica para poder ler depois.
    Beijo.
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  5. Oi Verônica, ainda não conhecia esse livro, gostei da dica, parece ser bem bacana
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  6. Eu acho que já conhecia a autora, mas não estou lembrando de onde... E definitivamente esse livro parece ser um amorzinho! Adorei a história com caçadores de bruxas, me lembrou do remake João e Maria... E Severin, esse menino estranho que adora se aproveitar das situações... tenho certeza que me divertiria lendo. Dica anotadíssima!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nuccia tudo bem?

      Ela escreveu a série Crônicas de Spiderwick, que acabou até se tornando um filme.

      Bjokas

      Excluir
  7. Oi Verônica! Vi esse livro na livraria e o que me chamou a atenção de primeira foi a capa. Realmente ela é linda d+! Sobre a resenha, me parece uma história bem interessante e com um teor de suspense em relação ao menino do chifre. Gosto de livros que misturam contos de fadas e ao mesmo tempo realidade. Esse é um livro que pretendo conferir em breve. Òtima resenha!

    Beijos

    Vivian
    Saleta de Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee

      Fico feliz que tenha gostado da resenha e espero que goste da leitura.

      Bjos

      Excluir
  8. Olá!

    Não conhecia esse livro, mas a capa está linda mesmo, espero conferir em breve. Parabéns por mais uma resenha bem escrita!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Ka

      Espero que seja feliz em sua leitura e fico feliz que tenha gostado da resenha.

      Bjoss

      Excluir
  9. Oiii
    Eu adoro contos de fadas ambientados em mundo modernos, eu amei sério, esse, me interessou bastante e quero muito ler!!!
    Beijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee

      Fico feliz que tenha te chamado a atenção.

      Bjoss

      Excluir
  10. Olá Veronica,
    Li algumas coisas da autora e não curti a forma dela escrever, então, não tenho vontade de ler esse livro. Fico contente que você tenha gostado, mesmo esperando mais de um dos personagens.
    A Edição está encantadora mesmo, mas vou passar a dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Bruna

      Eu te entendo, tem autores que realmente a narrativa não desce e isso também acontece comigo. Parece que não rola quimica né? rs

      Esse foi o primeiro livro que li da autora e gostei da leitura.

      Bjokas

      Excluir
  11. Olá flor...essa capa é um arraso! Adorei a resenha. Ainda não li nada da autora, mas pretendo ler em breve.

    Abraços

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!