Resenha #297 - A Garota de Treze - Lilian Reis

Livro cedido pela editora.

Título: A Garota de Treze 
Autora: Lilian Reis
Editora: Mundo Uno
Páginas: 220

**Resenha por S. M.**

Luce acaba de completar 13 anos, porém não se sente nada feliz com isso. Pelo contrário, queria mesmo era estar completando seus 16 anos. Mas como diz sua mãe: aproveite para viver cada dia de sua vida, intensamente. Não atropele as coisas. Cada situação a seu tempo.

Treze anos e, claro, curiosidades sobre vários assuntos vem à mente das adolescentes. Parece que o mundo vai acabar daqui a pouco e querem tudo para o já. 

Luce é uma garota que não é popular no colégio. Tem poucos amigos, não se acha bonita, aliás, só as outras meninas são bonitas em sua visão. Ela é uma garota romântica e sonha com seu primeiro beijo. 

Mas ela não quer ser beijada por "pirralhos", que em sua opinião, são fúteis demais. Sua mãe não arreda pé de controlá-la, pois teme que a filha siga "o mal caminho". Mas qual é a mãe que não se preocupa? Será que Luce conseguirá driblar dona Bete, e conseguir seu primeiro beijo? Até que ponto nossos desejos são bons pra gente?

A autora consegue abordar assuntos como paqueras, inseguranças, amizades, primeiro amor, incertezas sobre si mesmo, medos, angústias, tudo que uma adolescente vive mas, nem sempre consegue conversar com alguém de maneira brilhante e suave. 

A aventura de Luce nos faz pensar em quanto cobramos de nossos filhos (do ponto de vista de mãe) sem querer ouvi-los. Eu super recomendo a leitura para jovens e adultos, pois aprendemos que a verdade é sempre o melhor caminho a seguir. 

Não podemos ter tudo que queremos e, certamente, frustrações e consequências positivas ou negativas certamente surgirão, pois mesmo sendo adolescentes, o livre arbítrio é nosso, mesmo com outras pessoas nos aconselhando. As dores somos nós é que precisamos sentir. Pois é errando que se aprende, Luce também aprenderá. E, nós leitores, iremos amar mais um livro da Lilian. E por falar nisso, dona Lilian, vai ter mais um livro? E esse final que quase me desidratou?


Até mais!
S.M.
Respire Livros!

1 comentários

  1. Oiii Di

    Eu daria tudo pra poder ter a mão livros assim quando era adolescente. Na minha época leitura não era muito popular entre meus amigos e só fui descobrir como é bom depois dos 18.
    Enfim, achei a historia fofa, eu ja estou grandinha pra ler esse tipo de livro, mas a dica é ótima para as adolescentes.

    Beijos

    unbloglitteraire.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!