Resenha #295 - A Educação de Caroline - Jane Harvey - Berrick

Título: A Educação de Caroline
Autora: Jane Harvey - Berrick
Editora: Novo Século
Gênero: Romance/Erótico
Páginas: 382
Dez anos depois de seu primeiro romance, rompido de modo tão dramático, Sebastian e Caroline se encontram novamente, desta vez, em circunstâncias completamente diferentes, tendo como pano de fundo a guerra no Afeganistão.
Agora uma jornalista de sucesso e correspondente de guerra, Caroline encontra o oficial da Marinha Sebastian Hunter. Ele a havia esquecido ou ainda esperava por ela? Podem antigas paixões ser revividas?




Olá leitores como estão? Aqui é a Suzana, do Entre Livros e Pergaminhos, faz um tempinho que não apareço por aqui...Mas agora estou de volta...Viva!! E trago para vocês  A Educação de Caroline, vamos lá?

A Educação de Caroline é a continuação do livro A Educação de Sebastian, você pode ler a resenha aqui. A história começa dez anos após todo aquele final dramático do primeiro livro, quando o caso entre Sebastian e Caroline é descoberto. Caroline vai para Nova York, lá ela investiu na carreira de jornalista e graças a sua experiência em ter sido casada com um militar e ter vivido em bases militares, começou a conseguir trabalhos como correspondente internacional em áreas de conflitos. Grandes jornais de Nova York,entre eles The New York Times, a procuram para fazer coberturas no Iraque, Afeganistão e outras zonas em que o exército americano possa estar em campanha. Ela escreve com o pseudônimo de Lee Venci.

 Encontramos uma Carol com 40 anos, madura, decidida, dona de seu nariz, livre. Bem diferente daquela encontrada há dez anos atrás, presa em um casamento insípido. Ela viaja o mundo, tem três amigas super legais e conseguiu comprar sua bela casa em Long Beach...Uma grande vitória para ela.


"E agora eu tinha 40 anos. Mais confiante do que nunca antes em minha vida, acreditando em minhas habilidades e confortável em minha própria pele, eu tinha uma carreira da qual gostava."


 Carolina é chamada para fazer mais cobertura de guerra, no Afeganistão. Antes de ir diretamente, ela precisa passar por um trinamento em Genebra, na Suíça, um treinamento que todos os jornalistas que trabalham em área de conflito precisam realizar. Lá, eles aprendem alguns termos da  língua local, o que fazer caso seu acampamento seja atacado e mais outras milhares de informações. Além disso, tem que esperar a liberação de embarque que vem de capital americana.

O que Caroline jamais imaginaria é que seu passado pudesse aparecer ali, na sua frente.


"Um homem extraordinariamente lindo com um rosto muito bronzeado e olhos  azuis-esverdeados da cor do mar. Um choque de reconhecimento me percorreu. Não havia dúvidas. Dez anos mais velho, mas ainda estonteante. Sebastian Hunter. Ah. Meu. Deus."


 Sim leitores! Após longos dez anos o destino coloca frente a frente Caroline e Sebastian. Foi surpresa para ambos, na verdade foi um grande choque para ambos. Muitas lembranças foram ativadas, assim como muita dor também. E Sebastian deixou isso bem claro quando reconheceu Caroline. O primeiro contato deles não foi nada amistoso, ele a ignorou totalmente e ela ficou com raiva por essa atitude.

 Sebastian vai até o hotel que Caroline está hospedada, só que ele estava bêbado e foi bastante rude com Caroline.

 "Sebastian estava apoiado contra o batente, deliciosamente amarrotado em um jeans velho, uma camiseta preta e uma jaqueta de couro marrom. Irritante e lindo. - Caro - disse ele, uma expressão lúbrica no rosto. Ah, inferno. E também muito bêbado. - O que você quer Sebastian?"


 Outra aproximação nada amistosa, Caro decide que é melhor dar um ponto final em tudo, antes que piore mais. Só que no dia seguinte, Sebastian não aparece para dar as aulas dos dialetos afegãos para os jornalistas...Ele a esperava no saguão do hotel, veio lhe pedir desculpas por ter sido grosso e cretino com ela na noite anterior. Ela aceita suas desculpas...E o que ela estava lutando tanto para prender dentro de si, acaba escapando...Sim, eles ainda se amavam.

 Como a papelada de Caroline ficou retida, Sebastian a convida para fazerem uma pequena viagem pela Itália, já que estavam na Suíça, ficaria bem mais fácil, já que essa viagem era um sonho deles no passado. Eles passam por diversos locais na Itália, como se fosse uma lua de mel, recuperando o tempo perdido, vivendo aquele momento, pois o futuro de ambos ainda era incerto...Tudo estava bem, até que Sebastian recebe uma ligação de seu comandante: ele embarcaria no outro dia para o Afeganistão, paralelo a isso, Caroline recebe sua autorização para ir também. Ela também iria para lá.

 Bom, gostei bastante de ver o amadurecimento da Caroline no início do livro. Bem decidida, segura de sim. Só que quando ela reencontra Sebastian ela muda, fica parecendo uma adolescente de 15 anos quando encontra o gato lindo da escola. Ok, era um amor do passado, que mexia demais com ela, mas na minha opinião, não era necessário ela ficar tão insegura e tão indecisa em relação a ele, comportou-se como a Caroline insegura do primeiro livro. Lá tinha um motivo, seu ex-marido contribuía para tal comportamento.

 Sebastian me irritava bastante no primeiro livro e continuou me irritando na maior parte da leitura do segundo. Continuava o mesmo garoto que se aborrecia por tudo, apesar de ser um homem de 27 anos que já tinha ido para guerra, esperei um pouco de amadurecimento pessoal. As cenas hot's entre o casal estão bem mais intensas que no primeiro, para a alegria dos fãs de romance hot (não é  meu caso), isso é reflexo do amadurecimento sexual do Sebastian e a desinibição total de Caroline.

 Para mim, o livro ficou meio morno durante a viagem pela Itália, pois foi onde a parte hot ficou mais forte no livro, o enredo nesse momento se baseou nas conversas sobre o futuro dos dois e cenas para lá de picantes do casal. O livro começa a ficar mais interessante (para mim) quando ambos vão para o Afeganistão, ai a autora dá um show de escrita.


Através do trabalho de Caroline, podemos ter uma visão de como é o trabalho do jornalista em zonas de guerra. Ela ficou o tempo todo com a tropa, a mesma em que Sebastian estava, ficou nos acampamentos, comeu a ração militar, acampou em prédios antigos no deserto, saia para patrulhas e até sofreu um ataque com granadas enquanto estava fazendo a cobertura. também podemos acompanhar como é a vida de milhares de soldados que se arriscam em lugares conflituosos, onde muitos saem pela manhã, mas não sabem se voltarão vivos para a base. Gostei bastante dessa parte do livro, parecia outra história. Até o romance entre eles toma outra proporção, fica um romance adulto. A carga dramática nessa parte é bem intensa e te prende bastante.

"A granada que lançaram chacoalhou o chão ao explodir e a percussão do ar quente me ensurdeceu."




A diagramação está ótima, folhas amareladas, fontes confortáveis para a leitura. A capa está linda, bem mais que a do primeiro livro e bem mais sensual também. A escrita da autora é bem fluida  e objetiva.




O final dado ao casal me agradou bastante, pois não foi um final feliz tradicional. O período que passaram no Afeganistão foi bastante intenso para os dois, principalmente para Sebastian que passa por uma situação de vida e morte e essa experiência o muda completamente. No final, ambos amadurecem e estão convictos do querem para suas vidas, isso me agradou bastante. No geral, é A Educação de Caroline é tao bom quanto a Educação de Sebastian, com um enredo bom e sem pontas soltas. Para quem gosta de um bom romance, recheado com cenas picantes e uma boa dose de drama...Esse é o livro.

Até a próxima!


6 comentários

  1. Acho que faz bastante tempo mesmo que não aparece por aqui, hein? hahaha Desde o inicio do mês tenho acompanhado todas as postagens e não vi nenhuma sua. de qualquer maneira, seja bem vinda de volta! Gostei muito da resenha, embora o livro não tenha me agradado tanto. Acho ótimo quando os personagens amadurecem, mas em certas partes que você comentou, parecia pura enrolação pra ter mais páginas. Ainda assim, acho que arriscaria.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Suzana!

    Eu não tive interesse nesses livros qdo saíram pela NS e confesso que ainda não tenho interesse... achei as capas feias e o enredo parece ser mais do mesmo que sempre encontro em livros do gênero. Uma pena, mas mesmo assim, gostei da sua resenha!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  3. Boa resenha, conheço seu blog, sucesso com ele!
    Eu não conhecia o primeiro livro, mas o encontro dos personagens parece ter sido eletrizante e nostálgico, muito bom quando o autor consegue amadurecer os personagens e tornar isso nítido ao leitor, mesmo que o mocinho tenha te irritado rsrs Não leria o livro por ser erótico.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Suzana!
    Sua resenha está ótima, muito esclarecedora. Mas deixo passar a dica. A premissa desse livro não chama a minha atenção e nem o envolvimento dos personagens. De qualquer forma, obrigada pela dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Suzana!!
    Eu li o primeiro e gostei muito, mas ainda não tive a oportunidade de ler este segundo e confesso que mal vejo a hora de poder ler. Espero gostar do desfecho :D

    Beijos!
    www.aculpaedosleitores.com

    ResponderExcluir
  6. Olá. Eu não sabia que este livro era o segundo de outro, mas sinceramente, não sinto inclinação alguma para ler. Fiquei desanimada com a personagem parecer uma adolescente ao lado do grande amor da vida, ainda mais sabendo que o personagem em questão é daquele tipo que fica com raiva e magoado por qualquer coisa, simplesmente um nojo. Tô tentando parar de ler livros hots porque acabei perdendo o gosto pela coisa, por isso também não gostaria de ler o livro rsrs mas ainda bem que você gostou! Espero que outras pessoas gostem também.
    Beijo!
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!