Resenha #281 - O Príncipe dos Canalhas - Loretta Chase


Título: O Príncipe dos Canalhas
Autor (a): Loretta Chase
Editora: Arqueiro
Páginas: 288
Nota: 4/5

"Esposa ou amante, são todas iguais", ele costumava dizer aos amigos."Quando uma dama - virtuosa ou não - se prende a você, você se torna o dono de uma propriedade problemática, onde os arrendatários estão sempre em pé de guerra e pela qual você precisa despender muito trabalho e dinheiro." [...]  

Olá pessoas, tudo bem? 

Espero que sim. Eu ainda me encontro em um estado de alegria com a leitura deste livro. Eu jamais imaginei que fosse me divertir tanto com a leitura de um romance de época. Já sentia saudades das mocinhas espirituosas a frente do seu tempo e como a Jessica, sem papas na língua.

Loretta conseguiu me prender do inicio ao fim. Adorei ler este livro e já quero o quanto ante a sequência. Já me disseram pelas redes sociais que eu vou amar e ficar enlouquecida com os acontecimentos, será?

Lord Dain, é de longe o mocinho lindo, de olhos penetrantes, que te encanta e fascina no primeiro olhar. Ele é o avesso de tudo isso. Ele tem um tamanho desproporcional aos homens normais da sociedade, tem um nariz protuberante e tem um apelido nada simpático de Belzebu. É um devasso. Ele é uma amante de todas as mulheres e paga para tê-las. Ele está acostumado a viver assim e sua fama o precede em todos os lugares para onde vai.

-Então conhece minha reputação? - inquiriu Dain.
-Ah, sim. O senhor é o homem mais perverso que já existiu. E, pelas histórias que as babás contam, come criancinhas no café da manhã, se elas se comportam mal.
-Mas a senhorita não parece nem um pouco alarmada.
-Não está na hora do café da manhã, e eu não sou nenhuma criança. Embora eu entenda que, devido à sua altura, o senhor pode me confundir com uma.

Jessica é a típica mocinha a frente do seu tempo, mas o seu temperamento tempestuoso, a deixava as vezes em apuros, porque ela não tinha papas na língua e falava o que vinha na sua cabeça e quando se tratava de Lord Dain, as coisas ficavam cada vez mais intensas.

Quando resolveu ir para a casa de seu irmão para tirá-lo das garras de Dain, pois ele estava ficando depenado, pois as farras que o Lord Belzebu promovia, sempre deixava os cavalheiros menos ricos. Jessica sabia da fama dele, mas não imaginava o que iria encontrar e como as coisas iriam se desenvolver desde o primeiro encontro que tiveram.

A partir daí as coisas foram acontecendo e quando perceberam os encontros estavam sendo mais frequentes e eles estavam se amarrando em um nó bem difícil de sair. 

Eu gostei muito da escrita de Loretta, ela conseguiu desenvolver bem os personagens e  cada um dentro de sua personalidade. Dain é sofrido, ele não teve a melhor infância do mundo e foi rejeitado pelo próprio pai. Ele não tem o amor presente e não acredita nele. É um carente e criou um escudo que faz com que ele tenha essa fama de libertino. Ao mesmo tempo que ele é todo fechado e tem esse jeito de machão, ele conseguiu me cativar, no fundo ele só precisava se sentir amado. Faz um tempo que um personagem não chama tanto minha atenção assim.

Fiquei pensando nas escolhas dele e no rumo que sua vida tomou, mas ele não sabia que quando se encontrasse com Jessica, a vida de ambos viraria uma loucura e eles dois iriam aprontar poucas e boas juntos, chegando a deixar a sociedade de cabelo em pé com as atitudes. Esse casal definitivamente é fora do comum. 

Os personagens são bem cativantes e embora temos alguns personagens secundários que fazem junção com a obra... Dain e Jessica, não precisam deles para fascinar o leitor, eles tem vida própria. Me diverti muito com essa leitura e recomendo demais.



A diagramação do livro está bem feita. A capa do livro retrata o casal, mas eu confesso que teriam que dar uma representatividade melhor ao Lord Dain, como é descrito em toda a história. As folhas são amareladas e a fonte em tamanho médio e bem confortável para a leitura que se segue de maneira fluída e rápida. A Arqueiro está de parabéns com a quantidade de romance de época que eles vem trazendo aos leitores amantes dessa temática.

Não quis falar muito, porque meu medo de contar spoiler foi imenso e qualquer coisa que eu pudesse falar, poderia quebrar a graça de quem ainda não leu e pretende. Então só por ser romance de época, já é um ótimo motivo para eu indicar a leitura, mas se você quer rir, se divertir e ter vários tipos de sentimentos, esse é o livro perfeito.

Jessica queria resistir, queria continuar irritada, mas o desejava muito mais. Queria tocar e beijar e abraçá-lo desde o dia em que o conhecera. Queria que ele ardesse por ela, assim como sempre quis que ele a fizesse incendiar.

E aí pessoal, o que acharam? Não deixem de comentar e participar do top comentarista que está rolando no blog!!! Xero no coração de todos!!!



13 comentários

  1. Romance de época não é muito o eu gênero favorito, porém li um esses tempos e amei.
    Gosto de ler dependendo da minha vontade rsrs, tem dia que um romance de época vai bem.

    ResponderExcluir
  2. Oooi! Tudo bem?

    Flor, seu cantinho tá diferente ou é impressão minha? Acho que fiquei muito tempo longe, né? Haha enfim, tá uma graça. Você sabe que eu sou completamente apaixonada por romances de época né, acho que falei isso dez mil vezes já. Então é claro que já ouvi falar desse livro, me apaixonei pela capa mas acabei esqueceno dele entre tantos outros que queria ler. Então tudo o que tenho a dizer é: obrigada por me lembrar da existência dele! Nada como uma mocinha desbocada e um mocinho que passa longe dos esteriótipos de cara perfeito. Pra mim é a receita do sucesso! Vou conferir, sem dúvidas!

    Beijinhos, te espero lá no http://amendoasefelpices.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Que linda sua resenha, fiquei curiosa pela leitura desse livro! Gosto muito de romances de época e já faz algum tempo que estou querendo ler esse livro, pois a premissa muito me agrada. Parece ser uma leitura leve e divertida, com personagens cativante. Com certeza uma ótima leitura. A capa está bem bonita. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Nossa, como não querer ler o livro né!? Eu já estava doida para ler, e depois dessa resenha a vontade aumentou ainda mais. Espero ler em breve.

    ResponderExcluir
  5. Oi Diana.
    Confesso que tenho um grande preconceito com romances de época. Todos os livros e séries que eu vejo parecem ter a mesma história e isso meio que me desanima.
    Minha irmã está lendo esse livro e sempre me fala o quanto está achando incrível a cada novo capítulo que ela lê.
    Gostei de saber que o protagonista foge ao padrão galã-astrodecinema-deusgrego. Só por este fator, a autora já ganhou pontos positivos.
    Quem sabe eu não quebre minhas barreiras e dê uma chance a esta série?


    Confissões de uma Mãe Leitora

    ResponderExcluir
  6. Amo, mais bem amadinho, romances de época.
    E esse foi mais um que partiu pra minha listinha de favoritos.
    ADOREI a escrita da Loretta. Me prendeu do inicio ao fim <3
    No todo, achei incrível! História, capa, tudinho.
    Os principais são cativantes.
    Estou bastante curiosa para ler os outros da série.
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  7. Ultimamente eu estou gostando muito dos romances de época, as mocinhas veem sendo mais espirituosas e menos submissas, e isso vem me cativando, esse romance é uns dos meus desejados, cada vez que vejo uma resenha falando desse livro, fico mais convencida que terei que te-lo na minha estante, a arqueiro vem arrasando nos livros lançados.
    Beijos seu blog é lindo

    ResponderExcluir
  8. Oi tudo bem..
    Adoro romance e ultimamente tenho me aventurado bastante nos de epoca e ja ouvi alguns bons comentarios em relaçao a esse e do livro O Último dos Canalhas,fiquei super curiosa.
    Sem dúvida alguma, essa é uma das minhas capas favoritas dos romances de época da Arqueiro e é um que ja esta nao minha lista de leitura.
    Um abraço e muito sucesso :)

    ResponderExcluir
  9. Oi tudo bem..
    Adoro romance e ultimamente tenho me aventurado bastante nos de epoca e ja
    ouvi alguns bons comentarios em relaçao a esse e do livro O Último dos
    Canalhas,fiquei super curiosa.
    Sem dúvida alguma, essa é uma das minhas capas favoritas dos romances de
    época da Arqueiro e é um que ja esta nao minha lista de leitura.
    Um abraço e muito sucesso :)

    ResponderExcluir
  10. Oiiee,
    Eu sempre vejo vários elogios sobre esse livro e minha curiosidade só aumenta, tenho certeza de que vou me divertir muito lendo ele, sem contar que sou apaixonada por romances de época, quero ver o que esse casal irá aprontar e que apelido diferente Belzebu.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  11. Adoro quando o livro envolve a ponto de você ficar com medo de dar spoilers, é sinal de que você gostou e de que a gente vai gostar também. Como falei no post anterior eu adoro romances de época, que trazem a sensação de uma época nostálgica que a gente não vivenciou. E os livros fazem exatamente isso com a gente, podemos sentir o que eles viveram como se estivéssemos lá...

    ResponderExcluir
  12. Oi, Di. Eu amo a Loretta, e já li três livros dela, mas este não é meu preferido deles, acredito que ela tem obras melhores. Mesmo assim eu me vi encantada com o desaforo de Lorde Dain, amei ele do início ao fim (gosto do estilo bruto rsrs).
    Beijo! Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  13. Esse livro já é de um gênero que amo, então quando li já li pensando que iria ser de um jeito que iria gostar. Mas que surpresa encontrar uma garota como essa! Que mulher sem papas na língua, ahh, essa é boa demais para o gênero. Me surpreendeu pensar numa mulher assim naqueles tempos, bem entendida de assuntos que eram um tabu e o jeito que ela se fazia presente, mostrava que tinha personalidade é muito bom. E o Dain é outro personagem apaixonante e que te deixa curiosa para ser entendido logo de cara. As cenas dele relembrando a infância foram de dar um nó na gargante em alguns momentos. Uma leitura divertida e densa, com personagens que tem personalidade forte e um romance de suspirar. Muito, mas muito bom mesmo.

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!