Resenha #224 - Rebirth - Bianca Landim


Livro cedido pela editora
Olá, tudo bem com vocês? Espero que sim.

Título: Rebirth: Os Novos Titãs
Autora: Bianca Landim
Editora: Talentos da Literatura Brasileira - Novo Século
Páginas: 368

Formato: Livro

Classificação: 2,5*

Sinopse: Quatro crianças foram postas nos caminhos imortais dos deuses do Olimpo e, delas, uma nova geração de titãs surgiu, mostrando-se incrivelmente mais poderosa que os primeiros titãs - derrotados por Zeus e seus irmãos -, e até mesmo que os próprios deuses!

[...]

Por volta de 1.218 a.c. Celes, Solaris, Discórdia e Pyro estão em meio a seus treinamentos, o tempo está acabando e eles são a única esperança: Cronos está cada vez mais forte e inquieto em sua prisão, sem falar que ele está adquirindo mais aliados importantes para o resultado dessa guerra. Contudo, será que eles irão conseguir passar ilesos desses treinamentos que só pioram? O quanto eles terão que abdicar para conseguir enfrentar o Cronos?

Sabem, eu gostaria de falar mais profundamente desse livro, entretanto isso seria um spoiler sem precedentes. Todavia, posso ressaltar que esse livro contém três partes, cada uma com uma aventura e local diferentes, como na Grécia, no Egito, Asgard e na Índia. Foi algo inusitado (particularmente falando) ver deuses gregos interagindo com os deuses egípcios, indianos ou nórdicos. Essa leitura deixou bem claro o quanto a união é importante, inclusive entre os deuses e que ter a pessoa certa no cargo de "relações públicas" pode fazer a diferença - e neste caso se trata de Ares, o Deus da Guerra, é no mínimo irônico, não? Ou será que é apenas uma questão de como se olha para a situação?

* Considerações sobre a classificação:

 - De forma geral gostei muito da história, que é envolvente, engraçada e possui uma carga leve de suspense. As cenas de sexo foram bem trabalhadas, pois conseguiram mostrara beleza e o amor do casal sem ser vulgar. Contudo, a quantidade de cenas envolvendo sexo foram além do necessário, deixando a leitura repetitiva.

 - Os erros foram cruciais para a nota baixa! A autora pecou em diversos momentos da história; encontrei desde personagens com fala e que não faziam parte da cena até personagem que faz uma pergunta e ele mesmo responde. Claro que isso poderia ter sido constatado na revisão (desde que o revisor estivesse lendo para entender a história e não apenas para corrigir erros de português ou de digitação) mas, em minha visão, esses são erros de construção e a autora poderia ter tomado um cuidado maior com relação a isso (as páginas 44, 220, 302 e 326 contêm apenas alguns dos erros que marquei). Já erros de revisão ortográfica mesmo, só encontrei um: "movi mentação" escrito separado (pág. 359).

 - Gostei muito que em cada parte do livro há uma fase famosa de um sábio do local. Na Grécia temos Sócrates, no Egito, Imhotep e, na Índia, Kali Mantra.

 - O que mais me marcou no livro foram os "coices" que Thor levou; ele é um deus todo arrogante e se acha o gostosão, e nesse livro ele só se dá mal. É um "coice" mais inteligente e elegante que o outro. Amei!
— Bom dia, deuses gregos ... - disse, fazendo uma breve reverência, com um sorriso malicioso nos lábios.
— Bom dia, deus nórdico. Irá nos acompanhar no desjejum? - perguntou "o deus X".
— Se não for incômodo...
— Desde que não se insinue para minha esposa... - replicou, fazendo com que "a deusa Y" escondesse o sorriso. Thor, por sua vez, mostrou seu lado zangado para o deus grego.
— Se a deusa tomou mal minhas atitudes não é minha culpa...
— E se você fosse mais educado, pediria desculpas em vez de jogar a culpa em minha mãe. [...].
— Acredito que nossa filha já lhe disse tudo...
— Mas ela é muito pequena para tomar os assuntos dos pais como seus... E tem um poder...
— Não a repreendemos. A natureza dela é livre e diz o que pensa. Se bem que iríamos dar-lhe a mesma resposta [...].
Os nomes dos deuses gregos foram retirados, pois seria spoiler.

Mas o deus viking nada falou; apenas se desvencilhou da mão de Zeus e caminhou de volta ao trono do pai, sentando e fitando seriamente os outros deuses que ainda permaneciam no salão. Hórus era o único que nada falava; apenas observava tudo com atenção. Sua raiva ainda estava evidenciada em seu rosto, e para tentar aliviar, provocou o deus egípcio.
— Não tomará partido, deus Hórus?
— O homem comum fala, o sábio escuta e o tolo discute. Colocando em simples palavras: sou o sábio que apenas observa... - E fez uma leve reverência ao sair.

 - Em resumo, o livro tem potencial incrível para conquistar leitores apaixonados por mitologia, entretanto há muito para ser trabalhado.

Para quem recomendo? Para amantes de mitologia e literatura brasileira.

Para quem não recomendo? Para quem fica revoltado com erros e acaba deixando a leitura de lado por conta disso.

E aí o que vocês acharam? Quero muito saber a opinião de vocês. Um super abraço.




26 comentários

  1. Ooi amiga! Tudo bem?

    Nunca ouvi falar da autora nem do livro... Provavelmente se tivesse visto em alguma livraria, eu teria pego por ser uma história com mitologia grega e talz, amo o tema! Parabéns pela sinceridade da sua resenha, não vou deixar de ler se tiver a oportunidade porque cada um tem seu gosto, mas pelo menos vou com as expectativas controladas e sem esperar algo a lá Rick Riordan.

    Beijinhos, te espero lá no http://amendoasefelpices.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia nem o livro e nem a autora. Para ser muito sincera, não sou fã de livros com mutias cenas de sexo e fazer isso com um livro de fantasia me deixa ainda mais desanimada.
    Gosto muito de ler sobre mitologia, mas ainda assim acho que vou acabar pulando essa obra.

    ResponderExcluir
  3. NOSSA, QUE PENA QUE O LIVRO NÃO É ASSIM TÃO BOM.... Eu adoro mitologia e estou cada vez mais apegada a literatura brasileira... Pelo que você disse o livro não foi bem revisado e isso é horrível... Ler um livro e encontrar erros e coisas desnecessárias...

    Beijos,

    http://tordodemorango.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Até então não havia ouvido falar do livro, mas confesso que me chamou bastante a atenção. Estou começando a gostar de mitologia, mais tenho muito a aprender antes rs.
    Gostei muito da sua franqueza na resenha, isso é pouco comum nos dias atuais rs.

    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Não conhecia o livro, mas a premissa me pareceu bem interessante.
    Sobre os erros, eu geralmente sou bem cricri com eles e se forem muito frequentes acaba pesando muito na nota.
    Provavelmente o trabalho dos revisores é bastante puxado, mas acho que deveria ser reforçada a profundidade de leitura necessária para enxergar erros de contexto e diálogos.
    Ademais, gostei bastante da sua resenha e bola pra frente, vamos continuar divulgando livros nacionais :)
    Beijos!
    http://addictionforbooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia o livro e adorei a primeira foto que você postou na resenha!!! Fiquei um pouco indecisa em relação a ler ou não ler este livro. Não sou muito amante de mitologia, mas queria entender e conhecer melhor, em contrapartida, acho que este livro, em função dos erros, acabaria por me desanimar. Ainda amadurecerei a ideia em relação a leitura.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oiii
    Não conhecia nem a autora, nem o livro, mas a história pareceu ser interessante.
    Eu amo mitologia e, apesar de já estar um pouco saturada desse tema (é muito Rick Riordan pra pouco eu), gostei dos quotes e da sinopse do livro. O que me desanima são os erros que vc falou que o livro tem. Talvez se o livro for revisado novamente ( a esperança é a última que morre, não é mesmo? heh) eu procure e leia.
    Muito boa a sua resenha
    Beijos
    http://www.notinhasderodape.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Ótima a sua foto em primeiro lugar. Em segundo ótima a sua consideração sobre se o revisor estivesse lendo a obra e não procurando somente erros de português porque eu vejo coisas assim mesmo nos livros e isto deveria ser corrigido também por quem revisa. E muitas cenas de sexo? Passo longe.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  9. Eu adoro histórias com mitologia no meio. E a princípio essa capa me encantou demais, achei linda! Mas, suas considerações dos erros, e nem são de português que dá para relevar mais, mas os de construção, me deixam desanimada. Vou esperar uma segunda edição, pois curti a trama.
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  10. Olá

    Essa é mais uma autora que conheço pelas redes sociais, a premissa do livro é interessante, mas os erros que você falou que tem na construção dos diálogos eu não lembro de ter visto em lugar nenhum, fala de personagem que não tá na cena, não lembro mesmo, gosto muito de mitologias,mas fiquei meio na dúvida se leria esse livro ou não,porque erros assim ao meu pode até atrapalhar a leitura e você ficar sem entender alguma parte.

    Bjss

    ResponderExcluir
  11. Olá, bom eu achei a história completamente inusitada, essa mistura mitológica parece ter dado certo e até fiquei curiosa com a leitura. Eu acho que erros acontecem e que de fato, uma revisão poderia ter resolvido o problema, a minha opinião é que autor não precisar ser um grande conhecedor da língua, ele quer colocar as histórias no papel, claro que o básico é preciso saber mas quem deve notar e apontar esses erros é quem faz a revisão, esse sim tem a obrigação de estar pode dentro das regras e normas. Quando vejo tais erros nos livros eu fico muito chateada, não com o autor, mas com o revisor por deixar uma obra ser publicada com erros de ortografia ou digitação, o autor apesar de ter errado não tem a obrigação de ser correto o tempo todo, ele tem que contar uma história incrível, bom isso é o que eu acho.

    ResponderExcluir
  12. Oi, flor.
    Adorei sua resenha. Eu acho que você conseguiu ressaltar o que a obra traz de bom e o que traz de frágil. O enredo me atraiu, mas confesso que não lerei a obra com erros de construção como os que citou. Eles me incomodariam muito e, me conhecendo, terminaria a leitura com certa decepção.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Olá,
    Já conhecia a capa do livro pela internet, mas nunca tinha lido uma resenha. Eu não gostei da capa, então acabei não procurando saber mais informações.
    Eu não só muito fã de livros com tantas cenas de sexo e como você falou que é exagerada... :( prefiro pular!
    Pena que o revisor não teve um cuidado
    beijos
    Parabéns pela resenha
    Conchego das Letras

    ResponderExcluir
  14. Olha confesso que a capa do livro me chamou bastante atenção, mas uma coisa que não suporto é quando tem muita coisa repetitiva, principalmente em relação a sexo que fica extremamente cansativo. EU já fujo de livros assim por conta disso. Eu prefiro um livro que tudo bem, tenha essas cenas, mas que não fique apenas nisso sabe? Eu até poderia ler ele, mas não sei se iria gostar, só lendo para saber mesmo. Mas pela maneira que tu abordou em sua resenha, acho que não seria um que me agradaria. E olha que amo a Novo Século e suas obras e tenho que confessar que eles realizam um trabalho maravilhoso na maioria das suas obras e fiquei até surpresa pelos erros. Mas mesmo assim ngm é perfeito né? Sempre passa alguma coisa. Mas gostei muito da sua sinceridade e espero poder ainda ler ele qualquer hora ai. rs

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/02/3-anos-de-muito-amor-e-dedicacao.html

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Não costumo ler mitologia, realmente não gosto, então tenho certeza que se pegasse esse livro para ler ia ficar totalmente perdida.
    Acho uma pena, que para você o livro poderia ter sido trabalhado melhor. É triste quando erros realmente graves atrapalham a história e acabam prejudicando a imagem da autora.
    Eu não leria, mas tenho certeza que para quem gosta realmente desse mundo de deuses, entre outras coisas, é um bom livro.
    Abraços, Lara.
    http://www.imperio-imaginario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Olá, sabe que o livro não me cativou, seilá mas eu não leria ele no momento, tanto pela nota geral dele e pelos erros de ortografia, e também porque não gosto de mitologia. Quem sabe um dia quando eu tiver com outro pensamento dou uma chance :D

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  17. Oi Ninah, sua linda, tudo bem
    Eu sou fã de mitologia, pela capa já fiquei interessada, ainda não conhecia essa história e pelo o que contou tem muito potencial. Uma pena que tenha tantos erros que prejudicaram a leitura do leitor, confesso que no momento, esse fato me desanimou. Mas também gostei da inclusão desses pensamentos de filósofos, adoro quando os autores fazem isso, eu sempre reflito e aprendo alguma coisa. Independentemente disso, gostei da sua sinceridade.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

  18. Eu não entendo absolutamente nada sobre os deuses do Olimpo kkkk então esse é um livro que eu não leria, embora tenha uma premissa boa e uma capa LINDA.
    Recentemente li um livro com erros graves assim e dei um nota mega baixa para o livro por esse motivo. O erro não foi da parte da revisão e sim da autora mesmo.
    Mas enfim, a sua resenha está linda e parabéns pela sinceridade.

    ResponderExcluir
  19. Nossa Ninah
    Eu sinceramente não vou dar a oportunidade de ler esse livro, ainda mais com tantos erros como você apontou e mesmo se divertindo em algumas partes.
    Se numa nova edição a autora melhorar isso eu darei a oportunidade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Olá!!
    Adoro livros com estórias sobre mitologia e gostei bastante da sinopse e da resenha,ainda não li nenhum nacional com essa temática,quem sabe esse não pode ser meu primeiro?! =P
    Adoro livros cômicos e que personagem x acaba levando patadas cômicas..quanto a erros ortográficos não tenho problema com isso,contanto que não prejudique a leitura no geral!!

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2016/02/resenha-caixa-de-passaros-josh-malerman.html

    ResponderExcluir
  21. Oi Nina.
    Nossa, quando eu vi a classificação dada fiquei curiosa pra saber quais seriam os pontos negativos ressaltados.
    E depois de ler a resenha posso dizer que todos me incomodam em um livro principalmente os erros gritantes e situações repetitivas...uma pena que o revisor não tenha se dado ao trabalho de ler realmente a obra.
    Adoro mitologia, e é desanimador saber que uma história com potencial tenha tantos deslizes. Vamos torcer pra que numa próxima edição esses problemas sejam resolvidos.
    Eu sou dessas que deixa a leitura de lado por conta de 'descuidos', então no momento a leitura não serve pra mim.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  22. Olá,
    Fiquei muito curiosa pela sinopse. Amo mitologia e ver a mistura de várias delas me deixou com os olhos brilhando enquanto eu lia a sua resenha. Porém, o que me desanimou foi o fato das cenas de sexo serem exageradas e os erros ortográficos estarem em grande número.
    Um beijo,
    Delírios Literários da Snow

    ResponderExcluir
  23. oi, tudo bem?
    eu sou apaixonada com mitologia, e quando vi que o livro misturava elementos da grega com a nórdica, pirei!
    Mas suas considerações sobre os problemas da escrita me desanimaram. Eu não gosto de erros de revisão em excesso, mas quando a história está boa, até tolero. Mas erro de construção de cenas não dá. Deixa a história incoerente e muitas vezes incompreensível.
    Talvez eu leia no futuro, caso haja uma nova edição corrigida
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oi Di, tudo bem?

    Eu curto mitologia, mas sua resenha me deixou meio receosa. Acho que o livro poderia ter muito potencial, mas o mesmo não foi muito bem aproveitado, né? É uma droga quando isso acontece.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  25. Oie, tudo bom?
    Eu não leio muitos livros sobre mitologia, apesar de ser um assunto que tenho curiosidade. Uma pena esses erros de revisão e continuidade da história. Não conhecia o livro ainda, mas a premissa não me interessou muito.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Olha só, histórias com a premissa de mitologia são livros que leio pouco, e achei interessante o enredo de Rebirth. Adorei a foto do post, a capa é bem chamativa. Bjkas

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!