Resenha #222 - Vingança Mortal - Raquel Machado


Título: Vingança Mortal
Autora: Raquel Machado
Editora: Livro Independente
Páginas: 116
Nota: 4/5


Tentei lembrar porque me afastei dela, nós éramos tão amigas. Um sentimento de nostalgia tomou conta de mim e me recordei daquele dia em que muita coisa aconteceu e tudo pareceu mudar. Um dia que parecia ter acontecido há séculos atrás.

Antes gostaria de fazer um pedido de desculpas a autora, porque era pra eu ter resenhado o livro há bom tempo atrás, mas por ele ser fininho terminou se perdendo no meio dos outros livros... quando ia arrumá-los o via e separava, mas terminava esquecendo... mas, finalmente o peguei para ler... foi uma leitura bem rápida questão de uma hora.

Vingança Mortal vem com uma trama bem tensa e densa. Conhecemos os amigos inseparáveis de escola Ricardo, Eleonor, Luis, Alice, Nicole, Cristian e Brenda.

O livro é narrado ora por Brenda em primeira pessoa e ora em terceira pessoa. Gostei disso porque dá para saber um pouco da dimensão do acontece no todo e não só centrado nos pensamentos da protagonista.

Brenda nos conta em seu presente momento de vida, sendo uma mulher casada, com um marido dos sonhos e morando na cidade de Caxias do Sul, mas ela e seus amigos inseparáveis se conheceram na cidade de Lageado Grande. Eles na época da escola se davam bem, mesmo com as briguinhas corriqueiras de amigos que tinham, mas conforme cresceram, cada um foi seguindo um caminho diferente e tendo vidas diferentes.

As coisas começam a mudar quando Brenda recebe a notícia, de que sua melhor amiga Nicole, faleceu em um acidente. Ela não esperava por uma notícia daquelas, afinal de todos os amigos, ela era sua melhor amiga e conforme o tempo foi passando elas se distanciaram um pouco. Brenda se sentindo triste com o ocorrido foi ao enterro da amiga. Lá ela encontrou Cristian, pois até onde sabia eles estavam morando juntos, claro que conversa vai e conversam vem, começou a nascer a suspeita de que a amiga não havia morrido por acidente e sim assassinato, mas porque? E quem queria vê-la morta?? 

Mistério. Puro mistério. A partir daí as coisas começam a acontecer e Brenda se vê no meio de uma trama diabólica e sem muito sentido, onde as pessoas que ela pode confiar não são confiáveis e coisas que ela jamais pensaria que pudesse acontecer, aconteceram e que as pessoas realmente mudam para o bem ou para o mal.

Não posso falar muito porque o enredo é curtinho e eu tenho muito trauma de livros pequenos e para não soltar spoiler, prefiro falar da minha opinião. 

Eu li uma resenha desse livro e fiquei bem curiosa, mesmo ele sendo curtinho, porque geralmente livros curtos não são bem desenvolvidos e sempre me dão a impressão de que correm e eu sempre termino frustrada, por isso sempre evito. 

Mas com esse foi diferente, apesar de esperar algo que me deixasse frustrada, isso não aconteceu. Raquel, conseguiu trazer um história curta e bem enlaçada, não senti falta de nada. Ela conseguiu me prender e me fazer levantar suposições e quando eu achava quem era o culpado, lá vinha ela me dava um banho de água fria... só sei que ela gostar de matar personagem, então aviso não se apeguem rs.

Eu gosto dessa pegada de suspense e mistério e ela trouxe em poucas folhas uma história bem legal e apesar de ter terminado amarradinha, senti que ela poderia ter desenvolvido mais e criado uma trama bem mais densa ainda rs. Adorei a premissa, portanto, vejo que o livro teria potencial para mais folhas. 



A diagramação é bem simples. As folhas são brancas e com fonte do tamanho médio, mas a leitura é tão rápida e fluida que não me senti cansada. A autora lançou o livro de forma independente e teve a ajuda de alguns amigos. Não encontrei muito erros de revisão, na verdade eles foram bem raros. Só digo que Raquel tem talento para essa temática, já digo que ela poderia se arriscar mais.

Para quem curte uma leitura rápida, com suspense, mistério, um pouco de violência e alto grau de tensão esse livro é o certo. Indico a leitura!

À noite, quando ele deitou ao meu lado para dormir, demorei a pegar no sono, pois o telefonema de Nicole e sua voz desesperada por ajuda não saiam da minha cabeça.


Esse livro faz parte do Desafio Literário 2016 em que participo realizado pelo blog Devolva Meu Livro, Por Favor. O item 23 (um livro pequeno). Xero!

17 comentários

  1. Oi, Diana!
    Eu também li esse livro da Raquel e curti que ela vai direto aoponto e sem deixar o mistério de fora.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Adorei sua resenha, fiquei bem curiosa para ler essa obra, ainda mais sendo curtinha!

    beijos!

    http://www.deixaela.com/

    ResponderExcluir
  3. Oooi! Tudo bem?

    Acho bem interessante livros que se utilizam tanto da primeira quanto da terceira pessoa para contar sua história. Dá pra gente ter uma visão bem mais abrangente dos acontecimentos, sem ficar afastado e nem limitado à visão de um personagem apenas. O fato dele ser tão curtinho me desanima, tenho pavor disso porque quase sempre as poucas páginas não são suficientes pra desenvolver tudo, e aí ou fica muito corrido ou sobram muitas pontas soltas, e eu nunca fico satisfeita, nesse aspecto sou muito parecida com você. Portanto, se te agradou, provavelmente vou curtir também. Acho que vale a pena dar uma chance!

    Beijinhos, te espero lá no http://amendoasefelpices.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Uau, Pela resenha o livro parece muito bom. E duas coisas me chamaram bastante atenção. Primeiro, o livro é bem pequeno, mas a autora conseguiu amarrar bem a história. E o mais impressionante, o Livro é uma publicação independente e de qualidade.

    ResponderExcluir
  5. Gente, eu não conhecia o livro mas pela capa eu não gostaria, lendo a sua resenha eu fiquei na dúvida. Eu gosto desse tipo de livro mas a história não me atraiu tanto, parece ser sim, um bom livro mas não sei se eu gostaria tanto assim. Ás vezes eu também penso assim, quando um livro é curitnho e eu gosto tanto dele, queria que tivessem mais coisas, que a história poderia ter mais. É triste né? dá uma vontade de continuar lendo. Se eu ler, espero gostar também

    ResponderExcluir
  6. Olha eu não estou muito no clima para ler um livro assim, mas sinceramente tenho que confessar que a sua resenha me agradou e me deixou bem interessada. Me parece ser um livro realmente muito bom e com uma pegada que te prende do começo ao fim. Queria saber o que houve com a menina que faleceu e o que a personagem principal ainda vai encontrar pela frente. Eu até irei ler, mas só mais pra frente, porque ando meio que pegando leituras um pouco mais leves sabe? Mas mesmo assim amei seu ponto de vista sobre o livro e adorei tudo que você abordou. Chamou muito a minha atenção e nem tinha ideia da estória dessse livro e olha que já vi muita gente resenhando e só lia os pontos de vista hahahaha

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/01/resenha-os-segredos-de-emma-corrigan.html

    ResponderExcluir
  7. Ei Di, tudo bom? Confesso que o titulo me chamou a atenção, mas achei essa capa beem feinha :c Mas por sua resenha o livro parece ser bem interessante, quero procurar pra ler. Sucesso.
    Um xêro.
    Lydi - http://vinteeumaprimavera.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oiee ^^
    Mesmo não gostando muito de livros de suspense, dei uma chance a esse livro e gostei bastante. Não achei o final grande coisa, foi um pouco previsível *-* a ideia da autora foi mesmo muito boa, mas, assim como você, achei que ela poderia se arriscar mais e se aprofundar na história, ficaria ainda melhor :)
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br/2016/01/nova-parceria-philippe-alencar.html

    ResponderExcluir
  9. Olá Diana,
    Eu tive a oportunidade de ler esse livro e partilhamos da mesma opinião.
    A Raquel conseguiu criar uma história muito bem amarrada e eu achei esse livro fascinante por isso e pela velocidade com que é possível ler também!
    Fico feliz que você tenha gostado. É muito bom ler um bom nacional.
    Beijos
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Adoro livros assim curtinhos, e é sempre bom quando o autor nos surpreende e consegue deixar um clima de mistério e nos frustar com nossas suposições erroneas de quem é o culpado.
    Parece mesmo uma boa leitura, e com certeza está nos meus desejados, mesmo não gostando muito da capa.
    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir
  11. Hello :)

    O livro já me ganhou no número de páginas, por ser bem pequeno, é tranquilo de carregar na bolsa para ler no ônibus! A temática também é incrível, só achei a capa muito "carregada", sabe? Tem muita informação e isso me deixa um pouco "irritada". Com certeza vou procurar como opção para leituras na rua.

    Beijinhos e que a Força esteja com você.
    www.catinhocult.com
    www.galerageek.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi, Diana. Tudo bem?
    Eu adoro suspense, mistério e tal. Ainda mais desses que dão banho de água fria na gente de vez em quando hahaha Eu já havia ouvido falar nesse livro, mas não sabia que ele era assim. Já tá na minha wishlist.
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  13. Oi Diana,
    Consegui vir finalmente aqui. Amei sua resenha querida, fico feliz que não tenha te desapontado realmente uma das minhas maiores preocupações foi não deixar pontas soltas. Obrigada pela parceria e que ela dure muitos anos ainda.
    Beijos
    Raquel Machado
    Escritora Vingança Mortal

    ResponderExcluir
  14. Oiie Diana, tudo bem?

    Estou mega curiosa para saber o que a personagem principal ainda vai encontrar pela frente. Mesmo sem ser um gênero que eu não gosto muito de ler, esse livro me deixou super curiosa para ler. Ah, a capa, achei linda e tudo a ver com o que o livro trás.

    Bjs

    Amantes da Leitura

    ResponderExcluir
  15. Oi Diana,
    Adoro livros de mistério e sua premissa me deixou curiosa.
    Eu também tenho traumas de livro pequeno mal desenvolvido, mas sua opinião dizendo que ele não deixa a desejar me animou.
    Adoro quando um livro me deixa um gosto de quero mais,
    bjs
    Luana Lima
    http://blogmundodetinta.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Oi Di, sua linda, tudo bem
    A vida é assim mesmo, os amigos da escola às vezes se distanciam e seguem rumos diferentes. Posso imaginar todo o mistério de depois de tanto tempo descobrir que a amiga pode ter sido assassinada, como estava fora da vida dela faz tempo, deve ser difícil descobrir por quem. Adoro um bom mistério, esse parece ser um bom livro, bem levinho e rápido, para distrair. Dica mais do que anotada,Di, sua resenha ficou ótima mesmo que tenha sido malvada por não me deixar nem uma pista para desvendar esse mistério, risos...
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá Diana!
    Felizmente não tenho o mesmo problema que você com livros finos, leio livros finos desde quando comecei a ler, com uns 5, 6 anos e acabei me acostumando (ou talvez todos que eu peguei eram muito bem desenvolvidos mesmo). Achei bom o enredo de vingança mortal, bem elaborado e estruturado. A ideia de colocar Brenda e Cristian, o mais próximo de Nicole, foi uma boa sacada. Achei bem interessante mesmo, fiquei curiosa com o final.. Espero que tenha o livro em ebook!
    bjss
    http://umavidaliteraria1.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!