Resenha #199 - Sr. Daniels - Brittainy C. Cherry


Título: Sr. Daniels
Autora: Brittainy C. Cherry
Editora: Record
Páginas: 322
Nota: 4/5

Uma expiração profunda saiu de seus lábios quando ele se virou para entrar de novo na igreja. Fiquei sentada ali por mais algum tempo, em silêncio, pedindo que o sol me derretesse sobre os degraus. Pessoas vagavam por ali, mas ninguém parava para olhar. Estavam ocupados demais vivendo suas vidas para notar que a minha tinha de alguma forma chegado a um impasse.

Li esse livro em Setembro e somente agora consegui escrever a resenha dele. Ultimamente ando tão ruim para escrever, que prefiro não o fazer, do que fazer de qualquer jeito, mas hoje finalmente  a vontade voltou e eis-me aqui. 

Primeiramente devo ser sincera e dizer o que me motivou a leitura deste livro. Foram algumas resenhas que li e que compararam  a Métrica e digo, que não curto comparar um livro com outro, pode ser que te faça lembrar da história, mas não existe comparação. Não em minha opinião. O livro se assemelha apenas em uma coisa: um professor que se interessa por uma aluna ou vice-versa. Pronto nada mais se faz lembrar o enredo de Métrica. Depois que coloquei isso de lado, mesmo com algumas resenhas insistentes nisso, passei a ver melhor a história e me sentir cativada em fazer a leitura e não me arrependi.

Ashlyn Jennings, perdeu a sua irmã gêmea para a leucemia. Ela sentiu essa perda com muita intensidade e ficou perdida com tudo  e todos ao seu redor. Sabia que ela era a preferida de sua mãe, mas não ligava, porque sabia que ela a amava pela duas. Ela tinha um pai completamente ausente e com essa loucura da morte e após o enterro de sua irmã, seu pai decide levá-la para passar uns tempos com ele na cidade em que ele mora, lá ela iria estudar na escola em que ele era o diretor e ela iria conviver com a sua nova família. Claro que Ashlyn não estava contente com essa nova vida, afinal, ela nunca teve uma relação com seu pai e de repente ele a quer por perto e ainda mais descobre que ele tem uma família linda e feliz.

Lindos. De tirar o fôlego. Brilhantes. Olhos azuis. Suspirei.
Talvez fossem mesmo um portal para um mundo melhor. (Ashiyn)

Daniel Daniels, também é marcado por perdas. Ele não tinha mais os seus pais. E isso mexia demais com ele, apesar dele transparecer que não, que não estava abalado. Ele toca em uma banda chamada Romeo's Quest, inspirada nos textos de Shakespeare. Ele mora com seu melhor amigo que também toca na banda e paralelamente a isso ele é professor. Daniel ama o que faz, ele gosta da vida que leva, mesmo com algumas lembranças que venha assombrá-lo de vez em quando.

Eu não tinha permitido que meu cérebro processasse a morte do meu pai - ainda estava um pouco em estado de choque pela da minha mãe. Não importa o que aconteça, não importa quantas vezes você lide com ela, a morte não fica mais fácil. (Daniel)

Daniel e Ashlyn se conhecem a primeiro momento na estação de trem quando ela chega a cidade onde seu pai mora. Ela o vê e o acha lindo, interessante e ele pensa praticamente o mesmo que ela, mesmo que tenha observado seu olhar triste. A partir daí eles se encontram novamente, sem querer e sem prever nada. Eles sentem uma conexão e a conversa começa fluir. Claro que isso se deu de uma forma bem inusitada, onde Ashlyn é pega por ele chorando em uma viela sozinha e escura. 

Quando vai para o seu primeiro dia de aula,  o inevitável acontece. Daniel e Ashlyn se encontram na escola e tudo parece sumir. O mundo de Daniel começa a ruir e o de Ashlyn a colidir, eles não acreditam que aquilo está acontecendo, pior é a sensação que ela tem com a forma que ele reage como se nunca a tivesse visto, como se tivesse nojo dela, ele nem se quer olha pra ela na sala de aula e aquilo deixa o coração da moça apertado e ela se sentindo o pior ser humano do mundo e isso se prolonga por um tempo e ela fica perdida sem saber o que fazer e ele sem saber como agir. Como olhar para a garota que mexeu com seu coração, sendo que ela é sua aluna?

-Eu não disse que seria fácil. Só disse para ir em frente. Além do mais, as melhores coisas da vida não são fáceis. Elas são difíceis, são cruas e dolorosas. Isso torna a chegada ao destino final muito mais interessante. 

Eu gostei muito da leitura deste livro. A autora me surpreendeu com uma história linda e comovente, com seu drama na medida certa, com personagens bem construídos, uma ambientação simples e não muito estendida e com algo tão bonito de se ler, onde o amor mora e nasce da forma mais inusitada e possível na vida das pessoas.

Os personagens secundários, foram extremamente importantes para construção da obra e quero citar um dos personagens que mais gostei no decorrer da leitura. Ryan ele era o irmão de consideração de Ashlyn, ele fazia parte da nova família de seu pai e a amizade entre eles foi instantânea. Apesar de seus medos e frustração quanto a sua sexualidade, por causa da pressão de sua mãe, Ryan se mostrou alguém alegre, contagiante e que poderia ser um excelente amigo para todos os momentos.

O livro é intercalado com a narrativa em primeira pessoa entre Ashlyn e Daniel. Assim conseguimos nos aproximar mais dos personagens e saber como está os coração deles no momento em que as coisas vão acontecendo, como anda seus pensamentos, sentimentos e como querem agir diante das situações que vão surgindo na vida deles.

A leitura foi muito boa, me surpreendeu em alguns momentos e me emocionou em outros. Aqui os sentimentos são aflorados e as sensações são intensas, muitas vezes me senti vivendo com eles e passando pela angustia deles e isso foi extremamente importante para que eu curtisse a leitura e ela fluísse tão rápido.



A diagramação do livro é bem simples. Ainda não consigo dizer muito sobre a capa, não consigo compreender o que ela quer retratar,  tive vários pensamentos e depois desisti rs. As folhas são amareladas a fonte em tamanho médio. Não me lembro de ter encontrado algum erro de revisão. Achei as folhas mais grossas, mas não fizeram o livro ficar pesado, até porque o li a maioria do tempo em pé no ônibus.

Eu recomendo esse romance gostoso para amantes do tema e que curta um drama familiar, laços de amor e de perda. Lição de vida. Reflexão e muita música, afinal os capítulos do livro são regados de frases das músicas da banda de Daniel  e isso deu um charme a mais na leitura em minha opinião. Então se você curte tudo isso que eu citei acima, não perca tempo e leia, é uma ótima história, me fez pensar em vários aspectos e acontecimentos em minha vida.

Sussurros silenciosos de almas entristecidas.
Meu lado humano está descontrolado.
As cores que vejo não fazem sentido.
Mas, em seus olhos, sei que existe a verdade.

Espero que tenha curtido pessoal, deixem seus comentários que irei retribuir com muito carinho, apensas não esqueçam de deixar o link do cantinho de vocês. 

Gostaria de esclarecer a minha ausência no blog, ou melhor, a ausência de postagens... estou na reta final de semestre na faculdade e isso tem consumido muito o meu tempo e também dando atenção a minha filha com as provas finais. Assim que isso passar terei mais tempo de fazer postagens. Obrigada a todos que estão passando por aqui... Xero!!!


26 comentários

  1. Oi Dih!

    Apesar de já terem me indicado a leitura deste livro, a sua é a primeira resenha que leio. Confesso que perdi um pouco o encanto assim que vi o nome Métrica aí, rsrsrsrsrs Adorei o livro da Hoover, e não quero ler outro pensando nele.

    Enfim, ele va continuar na minha lista de desejados, espero poder lê-lo um dia e gostar tanto qto vc!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. Oi, Diana!
    Esse livro está na cabeceira para eu ler logo logo.
    Mas devo confessar que me lembrou um pouco a história da Aria e do Ezra de Pretty Little Liars
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  3. Oii Diana, tudo bom? Primeira vez aqui!
    Todo livro que é comparada a algum outro da Colleen Hoover me deixa desconfiada, pois não gosto muito dos livros dela, mas adoro romances e casais polêmicos como a Ashlyn e Daniel, por isso já fiquei super interessada na história e ao ler sua resenha esse interesse só cresceu, ainda mais por todo o contexto em que ele foi desenvolvido, enfim, pode ter certeza que entrou pra lista de leitura, haha :D
    Adoreei o layout do blog é a coisa mais linda <3 por isso e outras coisas já estou seguindo, viu ;)
    Estante de uma Fangirl

    ResponderExcluir
  4. Awwwwn!!!! *.*
    Primeira vez que venho aqui e me deparo logo com essa resenha!!
    Esse livro é muito amorzinho,nossa <3
    Também fiz resenha dele e vez ou outra tô lá relendo *-*
    Ficou ótima a sua, viu?! Arrasou!
    Muito lindo seu blog!!

    Beijinhos :*
    Sankas Books

    ResponderExcluir
  5. Olá Diana, tudo bem?
    Esse livro foi sem dúvida nenhuma um dos mais lindos que li esse ano. Sua resenha está muito bem escrita.
    Lindo blog! Beijos

    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oiiii Floor =DD
    Nossa eu sempre vejo resenhas incríveis sobre este livro e eu to doida pra ler, parece ser aqueles livros que vai me causar lagrimas sem fim!
    Na epoca tinha ele autografado na livraria e eu dei bobeira e não comprei T__T
    Mas ele já esta na minha lista de proxima leitura *__*
    Bjoos flor <33
    http://chacombolacha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oie!
    Eu li esse livro e achei muito parecido com o Métrica. Não estou dizendo que não gostei ou não apreciei a história, apenas que lembra muito a trama de Métrica da Colleen Hoover.
    Eu gostei muito da narrativa da autora, e acredito que ela atem muito a render nos próximos romances.
    Bjks!
    http://www.historias-semfim.com/

    ResponderExcluir
  8. Olá, Diana.
    Eu já li várias resenhas desse livro, todas elogiosas. Eu não sei se leria, mesmo achando a capa linda. Eu li um livro com esse mesmo tema recentemente e me decepcionei tanto que perdi a vontade de ler outros com o mesmo tema. Mas gostei de saber que tem a visão dos dois na história. Gosto muito disso.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  9. Sua resenha ficou perfeita! Terminei o livro terça e ainda não conseguir fazer a minha resenha, não sei nem como começar, menina! Eu amei a leitura, chorei muito, por isso é tão difícil. Uma história sensível, envolvente e muito perfeita. Aiai, dando vários suspiros só de lembrar. <3
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  10. Também acho complicado isso de comparar um livro com o outro, isso acaba estragando nossas expectativas. Que bom que conseguiu deixar a comparação de lado e aí se sentiu cativada em fazer a leitura, Di. Adoro narrativa alternada, e fico feliz de saber que a história te surpreendeu e te emocionou. Quero muito ler esse livro!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  11. Oi Diana, esse livro parece ter tudo o o que eu gosto e procuro em uma obra, a trama dele chama muito minha atenção e ele já entrou na minha lista, com certeza eu leria se tiver uma oportunidade!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  12. Oi,

    que chato quando a vontade de escrever nos abandona né??? que bom que a sua voltou!!!!

    Olha eu já li várias resenhas desse livro e sempre com essa comparação! Bom saber que não é assim! Apesar de que provavelmente não o leria mesmo assim, por ter uma doença que tenho problemas em conseguir ler ou assistir filmes! Me contento com as resenhas, essas não me entristecem...

    e adorei a sua! adorei a sua escrita, portanto não fique mais tanto tempo sem escrever!!! *--*

    Bjs

    Eu Pratico Livroterapia


    ResponderExcluir
  13. Oie Diana,

    tudo bom???

    Sr. Daniels foi uma leitura muito, muito boa. Fazia tempo que um romance não me deixava tão molenga kk'. Ele é doce, lindo, fofo e tão repleto de sentimentos controversos, dúvidas, medos, incertezas, inseguranças... É o tipo de livro que te faz sorrir, suspirar, te arranca algumas lágrimas e te deixa com um calorzinho gostoso no peito.

    Parabéns pela resenha!!!!

    Bjos

    ResponderExcluir
  14. Olá, eu já havia visto esse livro em algum lugar mas nunca dei tanta importância pra pesquisar sobre ele, a capa não me atrai, a sinopse também não mas a sua resenha, essa sim :) eu não dava nada pelo livro e depois de ler a resenha eu até fiquei cm=om vontade de ler e entender melhor a história.

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Não conhecia o livro mas devo dizer que me interessei bastante pela história.
    A premissa é interessante e acredito que o livro tem tudo para me agradar. Fiquei bastante curiosa para saber como a história termina.
    Ótima resenha!
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
  16. Oi Di, sua linda, tudo bem
    Só lendo para perceber como senti falta das suas resenhas. Você não fala dos sentimentos dos personagens, você os sente e nos faz sentir também. Eu sei que a trama central é o tabu aluno x professor. Mas o que eu senti e´que o livro é muito mais do que isso, é o relacionamento dela com a perda da irmã, com a mãe, e principalmente com o pai. Eu não sei porque ele não deixou a filha participar de sua nova família desde o início, mas eu gostei muito desse passo dele, de querer que ela participe agora. Eu não sei a idade dela e nem a do professor, se ela for menor, ficarei incomodada, pois não é certo. Mas se ela não for, ficarei torcendo pelo amor dos dois!!!!!! Adorei sua resenha e não vejo a hora de ler!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oie!
    Amei sua resenha!
    Amo livros que intercalam os pontos de vista das personagens, pois conseguimos nos aprofundar mais no mundo deles!
    Também resenhamos esse livro no Caminhando Entre Livros e concordamos que é um romance com drama leve e bem fluido e com personagens bem construídos.
    Abraços,
    Elaine M. Escovedo
    www.caminhandoentrelivros.com.br

    ResponderExcluir
  18. Oii, tudo bem?
    Ultimamente eu ando meio desanimada para escrever também, mas com jeitinho tudo se resolve rsrs. Eu gostei muito da sua resenha, e também da premissa do livro. Normalmente não é o tipo de livro que leio, mas fiquei bem curiosa para saber o fina da historia.

    ResponderExcluir
  19. Oiee ^^
    Estou querendo ler esse livro já faz um bom tempo, e parece ser muito bom ♥ Adoro romances com uma pitada de drama, e adoro mais ainda quando o autor consegue nos fazer sentir o que o personagem sente, quando conseguimos sentir a angústia e a dor deles. Estou doida para ler esse livro ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  20. Olá , essa é a primeira resenha que eu leio sobre esse livro, na verdade como não li nada ainda da Collen comparar com métrica influenciou nem mal nem bem, Eu já tinha visto esses livro e lido sinopse e eu estava pensando em ler, agora que você disse que te fez refletir alguns pontos em sua vida mais vontade ainda.
    Parabéns pela resenha.

    Giuliana.

    ResponderExcluir
  21. Olá!!

    Estou passando por essa fase também, um bloqueio para resenhar, é péssimo né...
    Olha, assim, lendo assim, pareceu bem Métrica mesmo rsrs, acho que só aprofundando os personagens para entender as diferenças!!
    É um livro que está nos meus desejados, e que pretendo ler, mesmo sendo comparado a outro.
    A capa, eu tenho dúvidas se gosto, como você disse, não da pra entender bem, se você quem leu não entende, imagina eu kkkk

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  22. Olá Dih! Saudades das suas resenhas! Nossa, que resenha doce...Fiquei super tocada ao saber um pouco da história deles. Parece ser bonita e triste ao mesmo tempo...Não li métrica e nem posso comparar. A capa é linda, mas não entendi também rsrs Beijos

    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Olá,

    Nas resenhas que li vi muita comparação de personagem, não de semelhança de estória como foi o seu caso. Muitas pessoas afirmam que a Ashlyn tem várias semelhanças com a Blaire (da série Sem Limites), mas não foi por isso que me interessei pelo livro. E sim, por um professor se apaixonar por uma aluna, acho esse tema muito interessante e que gera boas discurssões, e é intrigante saber como um autor (a) vai desenvolve-lo.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Olá!
    Já li esse livro, mas ele não me agradou, não sei, não consegui me envolver com os personagens e também não me identifiquei com o gênero.
    Beijos, Tabatha
    http://aproveiteolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Oiê!
    Nossa, que situação complicada. Me veio a mente o primeiro episódio de pretty little liars.
    Eu gosto quando a narrativa é intercalada entre 2 personagens :)
    Beijos!
    http://caindonacultura.com

    ResponderExcluir
  26. Aí Di.
    Nossa que barra deve ter sido para ela mudar, morar com o pai que não tem intimidade e conhecer Daniel para logo depois saber que é seu novo professor.
    Imagino como o mundo dela desabou e necessito saber como será esse relacionamento deles.
    Beijos

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!