Resenha #157 - O Primeiro Telefonema do Céu - Mitch Albom

Ola pessoal! Tudo bem??? Estou tão feliz em trazer minha primeira resenha no cantinho da Dih!!! E para começar bem, vamos falar de um livro que é meu favorito, calma vocês já vão entender! Vamos lá conversar um pouco?


Livro: O primeiro telefonema do céu
Autor: Mitch Albom
Editora: Arqueiro
Páginas: 288
Skoob: aqui

Sinopse: O Primeiro Telefonema do Céu - Como você se sentiria se um dia recebesse uma ligação de alguém que ama muito e que já se foi?Numa sexta-feira comum, o telefone de Tess Rafferty toca. É sua mãe, Ruth, que morreu quatro anos antes. Em seguida, Jack Sellers e Katherine Yellin recebem ligações semelhantes, do filho e da irmã, também já falecidos.Nas semanas seguintes, outros habitantes de Coldwater afirmam que estão em contato direto com o além, e que seus interlocutores lhes pediram para espalhar a boa-nova ao maior número possível de pessoas. A mensagem é simples: o céu existe, e é um lugar onde todos são iguais.Em pouco tempo, correspondentes de diversos meios de comunicação aportam na cidade para transmitir os desdobramentos do fenômeno que pode ser o maior milagre da atualidade. Visitantes do país inteiro começam a surgir, as vendas de telefone disparam e as igrejas se enchem de fiéis.Apenas uma pessoa desconfia da história: Sully Harding, ex-piloto das Forças Armadas. Após quase morrer num desastre aéreo, perder a mulher e cumprir pena por um crime que não cometeu, ele não acredita num mundo melhor, muito menos após a morte. E quando seu filho pequeno começa a esperar uma ligação da mãe morta, ele decide provar que estão todos sendo enganados.O primeiro telefonema do céu é uma história de mistério e, ao mesmo tempo, uma reflexão sobre o poder da conexão humana. Em uma narrativa que vai tocar sua alma, Mitch Albom prova mais uma vez por que é um dos autores mais queridos da atualidade.

O medo nos faz perder a vida... um pouco de cada vez...O que damos ao medo, retiramos...da fé. 

Em uma sexta-feira bem comum, Tess chega em casa depois das compras. Enquanto tenta abrir uma caixa o seu telefone toca. Ao cair na secretária eletrônica, ela tem uma surpresa: é a sua mãe, que morreu a quatro anos atrás. O mesmo acontece com Katherine que recebe uma ligação de sua irmã e Jack de seu filho já morto. Nesse mesmo dia Sully sai da prisão, onde foi condenado por um acidente que matou sua esposa e o qual não foi o culpado.

Foi nesse dia que o mundo recebeu seu primeiro telefonema do céu.
O que aconteceu depois depende do tamanho da fé de cada um.

Em uma história extraordinária, vamos entrando em Coldwater e acompanhando o que um simples telefonema pode causar com uma cidade inteira. Inúmeros fieis lotando as igrejas, pessoas rezando no quintal das casas onde mora os 'agraciados' com as ligações. Repórteres, donos de marcas e  prefeito vendo a oportunidade perfeita de ganhar dinheiro sem se importar com o milagre. Um pastor duvidando da sua fé. E Sully. Nosso ex-presidiário, acusado injustamente, tendo que viver com o filho carregando um celular de brincando enquanto espera uma ligação da mãe. O que, ele não aceita e parte em busca de desmascarar esse fato. Mas, uma coisa é certa: essa cidade nunca mais será a mesma.

Os vivos não podem falar com os mortos. Se pudessem, não achariam que eu também falaria? Acham que eu não trocaria o ar que respiro por uma única palavra de minha esposa? Isso não acontece. Não há Deus que faça algo assim. Não existe milagre nenhum em Coldwater. É algum tipo de truque, uma trapaça, uma fraude, um enorme embuste. 

Mitch, nos apresenta com todo tipo de pessoa que encontramos durante nossa vida. Aquelas que creem que tudo é um milagre, os céticos, os que buscam um milagre e os que se aproveitam dele para conseguir sucesso. Também vamos nos deparando com invejosos. Ele faz parecer que a história é minha ou sua.

Ele é um livro bem escrito, cada trecho nos faz refletir sobre a vida e a morte e o que esperamos do além. Nos faz pensar sobre perdas e como reagimos a elas. Não é um livro sobre auto-ajuda. Aqui, temos temos um milagre que nos foi dado, vemos seu efeito nas pessoas. Mas com Sully vamos duvidando e com ele investigando. E no final já não sabemos em que mais acreditar. Simples assim. Eu estou doidinha para contar, mas não posso e não quero dar spoilers, então apenas digo que foi surpreendente.

Além dos acontecimentos em Coldwater, Mitch também vai nos presentando com fatos sobre o telefone. Um exemplo é o capitulo que ele começa falando que o inventor do telefone só pode fazer algo porque foi atrás de seu amor no trem. E por incrível que pareça esses fatos não ficam misturados e sem sentido na história porque nesse mesmo capítulo ele começa falando de alguém da cidade levando em base, esse mesmo amor. É perfeita a escrita dele. Tocante. Me faz parar e pensar em quanto tempo ele levou para escrever. Para pensar em cada detalhe. Porque todo detalhe aqui faz diferença.

As notícias da vida são transmitidas por telefone. O nascimento de um bebê, um noivado, um acidente trágico em uma estrada tarde da noite... Quase todos os acontecimentos marcantes da jornada humana, bons ou ruins, são anunciados pelo toque de um aparelho telefônico. 

Então, parando de encher linguiça, o primeiro telefonema do céu eu recomendo para todo mundo. "O que Gisele, todo mundo mesmo? Tipo, até aquele que não tem religião, nem fé?" Sim, sim! Todo mundo! Esse não é um livro bem religioso, é ficção. E ainda deixa no final a questão aberta de acreditar ou não. A escolha é sua. O autor em momento algum tenta 'fazer nossa cabeça', ao contrário, ele acaba deixando cada um doidinho que nem sabe em que mais acreditar. A leitura é bem gostosa, não é um livro levinho,mas não se torna maçante, de difícil leitura. Ele se tornou meu favorito por tratar uma questão tão difícil e séria na simplicidade. Então, mais do que recomendado! E ai, você já leu? Vai ler? O que achou? Conte-me!

Há duas versões para cada vida: a que vivemos e a que os outros contam.
Nota




30 comentários

  1. Oi Gisele!

    Seja bem vinda!

    Adorei sua resenha, não conhecia o livro e fiquei bem curiosa!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha!
    Esse livro parece ser bom demais, e lendo a resenha e sinopse já fiquei em dúvida em relação aos telefonemas, parece ser aquele livro que a gente lê rápido pra saber o final, cheio de mistérios, e como adoro livro com um mistério já me interessei e adicionei em minha lista de leitura, pretendo ler em breve.

    ResponderExcluir
  3. Oi Gisele
    Gosto muito de livros que nos fazem pensar! Apesar de ter visto que muitas pessoas não gostaram do livro, gostei de saber que gostou tanto e recomenda. Um dia ainda vou ler, só não sei quando rs
    Adorei saber sobre a escrita do autor.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olha primeiramente tenho que te parabenizar pela sua resenha, porque ficou MAGNIFICA, segundo dizer que estou bastante curiosa para fazer a leitura, porque eu ainda não o fiz e queria saber um pouco mais do livro antes de ler, porque até então ainda não tinha lido nenhuma resenha sobre ele e por conta disso a sua acabou me chamando bastante atenção. Me parece ser um livro que nos trás um mistério e ainda nos envolve de uma maneira que te prende até o fim. Pelo menos foi a impressão que tive. Espero ler assim que tiver chance, porque quero saber o que acontece nessa história toda.


    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/07/resenha-o-amor-pode-ter-asas.html

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/07/resenha-no-mundo-da-luna.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga quando puder venha conferir a minha nova resenha

      http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/07/resenha-lagoena-o-portal-dos-desejos.html

      Excluir
  5. Ola Gisele gostei da premissa do livro, imagina receber essa ligação, matar a saudade de um ente querido, tem alegria maior que essa ? O livro deve nos fazer refletir justamente sobre isso, essa alegria. ótima resenha. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  6. Que resenha incrivel, parabens! Nao, eu ainda nao conhecia o livro e fiquei surpresa com essa tematica, nunca li nenhuma ficçao que abordasse essa premissa, mas fiquei curiosa para conhecer mais sobre ele! Muito bom, obrigada pela dica ^^
    Beeeijos

    ResponderExcluir
  7. Gostei bastante da resenha, apesar de ser um tema que nao me agrada muito fiquei curiosa com a leitura.

    ResponderExcluir
  8. Olaaa
    Sua resenha está ótima e o livro parece ser bem interessante e diferente, fiquei curiosa pela leitura e espero ter oportunidade de conhecer

    Beijos
    Reality of Books

    ResponderExcluir
  9. Oie, tudo bom?
    Eu sempre tive curiosidade para ler esse livro porque ele tem uma proposta bem diferente. Acredito que seja uma narrativa que mexa com nossos propósitos e nossa fé de uma maneira interessante. Fico feliz em saber que trata-se de uma obra para todos os tipos de leitores.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá!!

    Seja bem vinda ao cantinho da Dih!

    Eu já vi algumas resenhas para esse livro e confesso que não tenho taaaaanta curiosidade em ler. Mesmo com todos os seus elogios, não consigo ler muitos livros que envolva tanto religião. Eu impaco. Preciso mudar porque acabo perdendo grandes histórias;
    Achei muito genial a forma como o enredo e as histórias foram colocadas no livro.
    Espero mais resenhas suas aqui.

    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  11. Apesar de ser um livro que fala de fé e nem todo mundo curti essa premissa fico feliz que seja recomendado pra qualquer pessoa. parece ser um livro mt lindo e acho que vale a pena conferir independente se vc acredita ou não.
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  12. Oiiii
    Eu já tinha visto esse livro em algum lugar e fiquei louca para lê-lo. A história parece ser muito boa e envolvente. Espero poder ler em breve.

    Beijos
    http://www.sacudindoaspalavras.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Gisele, não conhecia o livro e fiquei extremamente interessada e curiosa para saber sobre esses telefonemas. Imagino que loucura ficou essa cidade após esse milagre. Com certeza irei ler. Parabéns pela resenha.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  14. Olá! Adorei a resenha! Já li um livro do Mitch Albom, que foi "Tenha um Pouco de Fé", e a história é linda, e ainda por cima é uma história real, o que deixa o livro ainda mais incrível! Esse livro que vc resenhou tbm parece ótimo, com uma história bem diferente e bem típica de Mitch Albom, um livro que meche com a fé das pessoas.
    Beijo!
    http://booksmanybooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi Diana.
    Eu adorei esse livro, acho que o autor fez uma ótima abordagem e aquele final foi
    perfeito, ele permitiu que cada leitor acreditasse naquilo que lhe convém e outros colocassem a fé em ação, excelente.
    Só não gostei muito da parte onde ele falava sobre Alexander Bell, quebrava meu clima totalmente.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  16. Oi Gisele, sua linda, tudo bem
    Sua resenha ficou ótima, que venham muitas outras.
    Eu fiquei aqui pensando sobre o que você me contou, sabe, se isso for uma trapaça é algo cruel, não se brinca com a dor e o sofrimento das pessoas. Por outro lado, se for um milagre, não podemos lucrar com isso. E sendo verdade, qual foi o objetivo dos telefonemas, porque nem todos receberam, são tantas as dúvidas. Eu gostei do autor optar por um final em que ele entrega a solução à crença do leitor. Eu gosto de acreditar que milagres existem. Tenho certeza de que irei me emocionar.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Que bom que o autor não tenta forçar o leitor a acreditar no que está acontecendo, que deixa essa escolha para cada um. Adorei a premissa da história, achei bem diferente, e com certeza leria! Amo livros que nos fazem refletir e achei legal esse bônus de contar fatos sobre o telefone.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bem?

    Apesar de achar que esse livro tem uma capa muito bonita e bem trabalhada, a premissa que ele traz não faz muito meu estilo de leitura favorito. Como já disse aqui uma vez, gosto daquelas fantasias épicas com magos, dragões e etc... Mas gostei desse lance dos telefonemas, achei a ideia diferente e inusitada.

    Abraços,
    Matheus Braga
    Vida de Leitor - http://vidadeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi, Gisele. Tudo bom?

    Confesso que acabo evitando livros assim. Títulos que me fazem pensar em questões religiosas me deixam um pouco receosa exatamente por esse motivo: quando o autor tenta nos empurrar certas questões e conceitos. Mas esse parece sem bem bacana!

    Adorei essa última quote.
    "Há duas versões para cada vida: a que vivemos e a que os outros contam."

    Fernanda Oliveira | Meraki

    ResponderExcluir
  20. Oi, Gisele!
    Fiquei interessada no livro desde a primeira vez que vi, mas acho que não teve muita procura, foi pouco divulgado e acabei esquecendo. Agora lembrei o quanto quero ler. Acho que o que me fez gostar da premissa foi o lance da fé. Tomara que eu goste. ♥
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  21. Que resenha incrível, parabéns! Ainda não conhecia o livro e fiquei curioso com a história e a temática, parece ser muito bom! Obrigado pela dica!

    Saudações,
    Ace Barros
    Capitão do drakkar Interlúdio, navegando pelo Multiverso X
    multiversox.com.br

    ResponderExcluir
  22. Já tinha visto algo sobre esse livro, mas não havia dado importancia, ate ler a sua resenha, achei bem interessante eles receberem as ligações das pessoas que morreram.

    ResponderExcluir
  23. Oi Gi,

    Gostei muito da sua resenha e me chamou a atenção essa coisa de o livro fazer refletir sobre a questão da vida e da morte, preciso treinar isso, quando às expectativas do além, não as tenho ou pelo menos evito pensar por me focar nesta coisa maravilhosa que amo chamada VIDA!
    Bom, vou anota-lo como desejado e bora refletir sobre estas questões que tenho me negado a pensar. hahahaha

    Beijos
    Tânia
    www.facesdaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  24. apesar de ter gostado da resenha e de saber que as pessoas que leram esse livro adoraram, mesmo assim nao consegui me interessar por ele, acho que cada um tem seu momento pra ler determinado livro.

    ResponderExcluir
  25. Olá! Ainda não conhecia o livro, mas confesso, estou completamente conquistada por esta história! Amei sua resenha, você conseguiu explicar bem a premissa sem dar nenhum spoiler.
    Fiquei com pena do filho de Sully, e quero saber logo como ele fez para saber se isso tudo era verdade ou as pessoas estavam apenas sendo enganadas (já tenho teorias sobre haueah). Enfim, amei mesmo! Beijão!
    http://www.entreleitores.com/

    ResponderExcluir
  26. Nossa quando eu vi o livro, não pensei que realmente teria uma ligação do céu rsrsrs, o livro parece ser ótimo, gostei muito da resenha e creio que será um livro que irá me agradar muito, darei uma chnace a ele .
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  27. Olá Gisele, seja bem vinda, tudo bom?

    Que livro interessante, bem diferente de tudo que já li. Fiquei bem curioso, principalmente por ser um livro para todos, a capa é bem bonita, e parece tratar de muitas coisas nas quais são assuntos bem polêmicos.

    Amei a resenha, beijos!

    ResponderExcluir
  28. Eu me interessei por esse livro desde que lançou. O assunto é muito interessante e estou muito curiosa com o desfecho da história. Assim que der vou ler ele.

    ResponderExcluir
  29. Oi! Ainda não li, mas depois dessa resenha não tenho como não ler. Na verdade, eu já tinha me interessado por ele, mas acabei esquecendo desse livro. Esse suspense que ronda em torno desses telefonemas e esse homem disposto a desmascarar quem está por trás disso tudo, se houver alguém, não é? Além do mais, pode ser realmente um milagre, não sei, mas estou curiosa para ler. Será que alguma vez ele receberá o telefonema da sua mulher? E se receber será realmente ela? é muitas perguntas e já estou louca para ler.

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!