Resenha #142 - Proteja-me - Maya Banks


Título: Proteja-me 
Trilogia Slow Burn - Volume 1
Autora: Maya Banks
Editora: Gutenberg
Páginas: 239
+18


"Eu não posso ajudar você."
Aquelas palavras foram pronunciadas com tal suavidade que soaram delicadas aos ouvidos de Caleb, mas contrastaram com a enorme raiva que ele sentiu pela recusa da moça. Ele ainda nem tinha feito o pedido, e ela já estava se negando a ajudar.

Quando o livro foi lançado eu fiquei curiosa pela leitura dele, porque pelo que percebi da sinopse esse seria mais uma romance policial do que algo mais erótico, nada contra os romances eróticos, porque até leio alguns quando chamam muito a minha atenção, mas esse me pareceu diferente. Li algumas resenhas dele para saber mais do enredo e realmente parecia o que eu imaginava.

Comecei o livro com uma expectativa diferente e a mantive do começo ao fim, o que posso dizer que o livro não me surpreendeu, mas manteve o padrão do que eu esperava e gostei muito.

Ramie St. Claire é uma sensitiva. Ela vive isolada e escondida. Inicialmente percebemos que ela se esconde de alguém que quer muito o mal dela e por esse motivo ela deixou de viver uma vida que ela sempre sonhou. Ter uma relacionamento, construir uma família, andar livre pelas ruas e fazer as coisas que gosta. Com seu isolamento ela não sabe o que é isso, apenas sabe que deve se manter incógnita de  uma forma que ninguém saiba onde ela está. No seu passado Ramie ajudou a prender muitos assassinos e homens cruéis que se aproveitavam de mulheres inocentes e abusavam delas, mas ela era muito jovem para entender se era aquilo mesmo que ela queria até começar a ser perseguida e fugir.

Caleb Devereaux, um home poderoso, rico, lindo, mandão e muitas vezes arrogante, mas muito desesperado. Ele teve sua irmã sequestrada e estava completamente louco para encontrá-la junto com seus outros dois irmãos Beau e Quinn. Eles três sempre foram muito protetores com relação a Tori, sua irmãzinha e não saber onde ela estava e que tipo de perigo ela estava sujeita os três começaram a procurar de uma maneira frenética e tudo o que o dinheiro poderia pagar.

Caleb depois de muito procurar encontrou uma pista de uma sensitiva, não conseguia acreditar que enquanto sua irmã poderia estar passando por vários tipos de abuso, a sensitiva Ramie St. Claire tinha sumido a mais de 3 meses, sem nenhum rastro, mas quando ele queria ele conseguia e a encontrou e achou um absurdo que inicialmente ela tenha se recusado a ajudá-lo, mas ele foi firme, ele precisava encontrar a irmã e ela teria que ajudá-lo querendo ou não.

Após conseguir a ajuda de Ramie mesmo contra a vontade dela, Caleb assustado com o que acabara de presenciar foi ao encontro de seus irmãos para resgatar a sua irmã do assassino que a tinha sequestrado, mas o que Caleb não sabia é que obrigar a Ramie em usar seus poderes de sensitiva, iria colocá-la em evidência  para que o assassino a rastreasse. 

Após conseguir deixar sua irmã a salvo do sequestrador, Caleb saiu em busca de Remi, queria ajudá-la de alguma forma, pois se sentia em dívida com ela, porque presenciou seus poderes de sensitiva e nunca imaginou aquela cena tão dolorida e agora que sua irmã estava salva, ele precisava reencontrá-la para além de agradecer, fazer algo por ela. Porém quando ele voltou a cabana onde ela se escondia estava vazia. Ramie mais uma vez havia sumido.

A história é boa e me prendeu, porque adoro um romance policial e posso dizer que a parte erótica do livro é pouca, até porque o nossa protagonista é bem intensa e eles estão no meio de uma investigação para capturar o assassino que persegue Ramie. Eu gostei muito da narrativa da Maya nesse livro, ela foi bem fluida e aconteceu de maneira bem rápida, quando percebi o livro já tinha terminado. Os momentos finais do livro foram bem intensos, fiquei bem angustiada, não conseguia nem piscar. Fico impressionada com a capacidade mental de uma psicopata e quando ele coloca algo em sua mente. O final foi rápido, mas eu esperava um coisa muito mais elaborada, mas no fim até que foi satisfatório. 

Ramie foi uma personagem forte pra mim, mesmo diante de seus medos e sua fraqueza. Ela estava muito debilitada emocionalmente, destruída e sem esperança de vida. Não sei como eu reagiria numa situação dessas. Jamais devemos subestimar as pessoas e do que elas são capazes de fazer em um momento de desespero ou o que elas fariam para proteger quem elas amam incondicionalmente. Essa parte do livro foi o que mais me chamou atenção. As pessoas são capazes de tudo e é exatamente a situação em que elas vivem que mostram do que elas são capazes de fazer. 



A diagramação do livro está simples, mas bem bonita. A capa é bem condizente com alguns fatos da história. E o título é bem fiel com todo o enredo. A autora soube escolher algo perfeito para o título. As folhas são amareladas e leves, com fonte de tamanho médio e bem espaçado. O livro é bem leve, você pode levar para qualquer lugar e ler tranquilamente, eu li boa parte dele no ônibus e a pé e não me incomodou em nada. A leitura se faz em terceira pessoa o que abrange mais os acontecimentos e o papel de cada um. Os personagens secundários fizeram uma boa diferença na trama e eu achei eles bem escritos. Só não percebi muito foco nos irmãos de Caleb, mas acredito que os demais livros sejam deles, apenas acho, não tenho certeza. As conversas era pontuadas através de aspas, achei que fosse me incomodar, mas me acostumei rapidinho e até gostei. Não me recordo se encontrei erros de revisão. A leitura foi rápida. 

Eu recomendo o livro para quem gosta de romance policial leve, com uma pitada mínima de hot. Gostei muito do que li. Adorei conhecer a escrita de Maya com esse livro e quero a continuação assim que sair. (risos)

Para Caleb, a voz dela se assemelhava a gelo quebradiço depois de uma tempestade no inverno, embora isso fosse algo raro naquele lugar do sul, e também lembrava o som de galhos de árvores se partindo sob um peso grande demais para eles. 

 Espero que tenham gostado meus lindos!!! Deixem seus comentários e não esqueçam de participar do top comentarista de Maio.

Xero no coração de todos!!!


29 comentários

  1. Já tinha visto esse livro, mas até então não sabia sobre o que exatamente ele se tratava. Vi que ele aparenta ter um ótimo enredo, pois contém uma personagem forte, apesar do seu emocional abalado. Além disso, gostei por causa das cenas eróticas, que são poucas. Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  2. Oi Di :}

    Quero muito conhecer a escrita da Maya, mas nunca sei por onde começar. Fiquei interessada nesse primeiro volume da trilogia, irei procurá-lo na livraria quando puder comprar. Adoro as suas resenhas e as suas dicas de leitura!!!

    Beijos
    www.estantedarob.com.br

    ResponderExcluir
  3. Eu já li alguns livros da Maya.. mas aqueles mais estilo de banca sabe.. eu gosto dos seus livros, um fato que me chamou minha atenção foi esse livro fugir um pouco do que a autora está acostumada a escrever... eu adoro essa mistura de romance com suspense, perseguição e psicopatas.. espero poder ler em breve.

    ResponderExcluir
  4. Oi Diana, que livro interessante. Adoro quando envolve paranormalidade, fica mais curioso e gostoso de ler. Ainda não li nada da Maya e esse livro com toda certeza está entrando na minha lista do Skoob agora!Beijos e obrigada pela resenha que para mim é melhor que uma dica de leitura, abre a cabeça para o que realmente a gente gosta! Até mais!
    Mila
    http://scraplivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Xero! Sou fã da Maya, já leio os seus livros a anos, mesmo antes de começarem a lançar ela aqui no Brasil! To muito curiosa com esse história, já ouvi muito bem, amo policiais e seu que ela usa muito bem o estilo quando quer, fiquei curiosa também de como ela coloca o hot nesse história! Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi, Dih!

    Tô de olho nesse livro desde o seu lançamento, tem algo nele que me atrai, alias, tudo nele me atrai... Amo um bom livro policial, e você me conhece, livros HOT é comigo mesmo hahaha Então eu acho que o livro é uma boa pedida, e agora com sua resenha meio que preciso urgente :) Uma amiga minha leu ele esses dias,. e ficou numa ressaca literária brava kkkkk

    beijinhos!
    www.aculpaedosleitores.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Dih!

    A Geeh leu Doce Entrega desta autora e tbm gostou... acho que vou ter que me render a ela logo! kkkkkk
    Adorei a resenha, fiquei curiosa!

    bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  8. Oi Di, tudo bem?

    Olha, fiquei surpresa agora em saber que é um livro policial. Tive uma experiência negativa com a outra série da Maya (Peça-me o que quiser) e não pretendia ler nenhum livro mais da autora. Mas fiquei surpresa com a premissa e acredito que possa dar uma nova chance para autora e lendo esse livro posso tirar essa coisa negativa né? Enfim, parabéns pela resenha.

    Beijos
    Leitora sempre

    ResponderExcluir
  9. Oi Dih!
    Estou com Proteja-me aqui e pretendo lê-lo em breve.
    Adoro a escrita da Maya Banks, e acho que a mistura suspense policial + hot, uma ótima pedida.
    Beijos.

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi, Diana!
    Também fiquei bem interessada no livro por ele não ser tão hot e sim focar na parte policial. E ainda mais por ser uma leitura leve.
    Amei sua resenha! Bjs <3

    ResponderExcluir
  11. Oiee

    nunca li nada da autora mas tenho curiosidade não sei se vai me impressionar como alguns outros mas pretendo ler em um dia e tirar essa dúvida.

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oiii Di, tudo bem??? Eu amei a sua resenha. Sou louca por livros policiais, mas fujo com toda a velocidade dos livros hots, heheh. Mas como você disse que esse é pouco, vou deixar a dica anotada para quem sabe em uma próxima :)
    Um beijão
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Eu preciso ler algo da Maya!
    Você não é a primeira a dizer que a autora escreve de forma fluida, prendendo o leitor até o fim. Também adoro romances policias! Fico passada com essas mentes doentias.. me pergunto o quanto os autores precisam pesquisar para escrevê-los de forma tão real.

    Beijiinhos ;*
    Andressa - Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  14. Oiee ^^
    Também fiquei curiosa quando esse livro lançou, mas como o gênero policial ainda está me conquistando, e não faço muuita questão de eróticos, deixei um pouco de lado para ler numa outra hora. Fiquei curiosa para ler, acho que policial leve com um pouquinho hot eu aguento...haha'
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oi Diana.
    O nome Maya Banks me remete a hot instantâneamente rsrs, e na mesma hora minha mente já cria uma barreira, e foi o que aconteceu aqui logo que vi o livro rsrs.
    Mas continuei lendo sua resenha e fui surpreendida quando você disse que o livro é um policial com o mínimo de hot.
    Nunca li nada dessa autora porque não sou fã de hot, mas tratando-se de um policial posso até pensar na ideia.
    Eu não tenho nenhuma expectativa quanto a Proteja-me, se eu fizer a leitura será por mera curiosidade, mas pelo menos pra você foi uma boa diversão.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  16. Conversas pontuadas através de aspas costumam me enlouquecer, mas que bom que se adaptou e até gostou do recurso. Eu sempre ligo a autora ao hot, fiquei surpresa de saber que o gênero é pouco presente na obra. Mas também não sou muito ligada em policial, muito menos se eu for levada a pensar sobre a capacidade mental de um psicopata, rs, então acho que de qualquer jeito não seria leitura para mim.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  17. Oi Di, sua linda, tudo bem?
    Nossa, Di!!!!!!! Amei sua resenha!!!! Você me deixou tão angustiada!!!! Porque primeiro eu pensei que ela estava fugindo porque todos queriam a usar, mas aí você vem e me diz que ela está correndo risco. Que um assassino a quer. E estou começando a achar que não é por um bom motivo, tendo em vista os poderes que ela tem, já estou até arrepiada só de pensar na mente doentia dele. Definitivamente, esse dom dela é uma maldição. E quando você disse que ela foi ao extremo para proteger quem ela amava, fiquei assutada com o que ele pode ter feito. Você passou os sentimentos dos personagens para mim, mais uma vez, não tem como não ansiar por essa leitura.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oii, tudo bem?
    Eu já tinha visto esse livro antes mas não sabia do que se tratava, e fiquei bem surpresa por saber que é um romance policia, pela capa eu imaginava algo diferente rsrs, fico feliz que tenha gostado e com certeza o livro já está na minha lista de desejados.

    www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Olá Diana, só pela capa não leria ele, mas depois da sua resenha e de saber que se trata de um romance policial já me cativou e ainda saber que não te decepcionou somou mais alguns pontinhos a favor da leitura *--*

    Visite "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
  20. Adoro romances policiais e personagens intensos, mas livros eroticos não me chamam atenção, mesmo que tenha sido pouco neste livro.
    Passo essa dica, rsrsrs

    Abraço

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?
    Maya Banks é uma autora que tem muitos livros, com o estilo romance/erótico que eu gosto, mas ainda não tive a oportunidade de ler os livros. Eu não sei se gostaria do personagem masculino, tenho um pé atrás com personagens mandões. Fico contente de saber que o livro não gira só em torno do romance.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bem?
    Eu gosto muito da Maya, e não ligo para eróticos também, desde que o livro tenha uma boa história, e pelo que você falou, esse tem. Bom saber que a parte hot não é pesada ou tão presente, e que a protagonista é tão intensa.
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Oi Dih, tudo bom?
    A primeira coisa que chamou minha atenção nesse livro foi misturar hot com uma história policial. Achei ousado e curioso. Não li nada da autora, mas tenho bastante curiosidade para conhecer a escrita dela.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oi!
    Eu não costumo ser grande fã de livros eróticos, mas esse parece ser legal, já que não foca nas cenas eróticas, mas sim na investigação.
    Fiquei curiosa!
    Beijos,
    Deia
    www.ownmine.com.br

    ResponderExcluir
  25. Oieee!
    Eu amo um suspense policial! Cnfesso que quando li que havia erótico meu pé ficou atrás, nada contra, mas acho que a maioria dos eróticos ficam tão focados no sexo, que se esquecem da história, mas acho que vou dar uma chance pra esse livro =)
    E o sobrenome da autora é o nome da minha cachorra :)
    Amo esse nome, Maya <3

    Beijoos
    Garota Liber
    www.garoaliber.com.br

    ResponderExcluir
  26. Oi :)
    confesso que não sou mt fã de livros que envolvem suspense policial, mas sou curiosa pra ler esse livro ainda sim, pois gosto de livros eróticos *---*
    gosto de personagens que mesmo com vários problemas tentam ser fortes sabem, crescem. acho que vou gostar da leitura.
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  27. Se fosse apenas me basear na parte erótica do livro, provavelmente não o leria, pois acho que o gênero já está um pouco saturado, mas como tem essa pegada policial mais forte, a coisa muda de figura. Outra coisa que me agradou foi saber que as personagens secundárias também tem papéis importantes no enredo.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  28. OI! Achei bem interessante o enredo do livro, essa mistura de sobrenatural com policial deve ser bem eletrizante mesmo. não conhecia a autora, mas fiquei bastante curiosa a respeito do livro.

    ResponderExcluir
  29. Por ser um livro da Maya eu fiquei com um pé atrás, pois ela escreve uns livros bem pesados que eu não consigo ler, mas pela sua resenha eu vi que Proteja-me tem uma pegada mais leve e que eu posso gostar, vou dar uma chance e ler este livro.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Bem vindo ao blog Minhas Escrituras...
Fique a vontade para comentar aqui a sua opinião pessoal, sempre com respeito é claro!!! ;)
Você pode deixar o link de seu blog, que faço a retribuição com o maior prazer, mas não retribuo em postagens de promoção, ou seja, não comento.
Mensagem pra pedir que siga o blog, são automaticamente deletadas. Comenta no blog e deixa o link,farei uma visita no seu ok.
Quero agradecer a vocês que passam por aqui e deixam suas marquinhas, isso é muito importante... sintam-se a vontade...
Xero!